Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Ações

Central de Transplantes leva campanha Setembro Verde para o Sertão da Paraíba

O intuito é levar conhecimento dos serviços prestados à população no que diz respeito à doação de órgãos.

A Central Estadual de Transplantes desembarca nesta semana no Sertão paraibano, ampliando as ações da campanha Setembro Verde. (Foto: Reprodução)

Por

A Central Estadual de Transplantes desembarca nesta semana no Sertão paraibano, ampliando as ações da campanha Setembro Verde. O intuito é levar conhecimento dos serviços prestados à população no que diz respeito à doação de órgãos.

Com trabalhos realizados nas unidades de saúde, por meio de palestras, junto aos profissionais da área, a equipe da Central segue até a próxima sexta-feira (24) visitando as cidades de Cajazeiras, Sousa, Pombal e Patos.

“Nossa missão é viabilizar o acesso da Central a todos e esclarecer os serviços disponibilizados aos profissionais de saúde, que podem se unir à campanha e somar esforços, na esperança de que a população se solidarize e participe do movimento, dando mais esperança de vida a quem espera por uma doação”, enfatizou a chefe do Núcleo de Ações Estratégicas da Central Estadual de Transplantes, Rafaela Carvalho.

Com a iniciativa de interiorização da campanha, a proposta é ampliar a quantidade de doações no estado.

“Nós temos avançado, mas ainda precisamos buscar aumentar os números, porque temos potencial para isso. Este ano, até o dia 17 de setembro, contabilizávamos 174 transplantes realizados, sendo 152 de córneas, três de coração, 10 de rins e nove de fígado”, destaca Rafaela.

Na Paraíba são realizados transplantes de coração, fígado, rins, córneas e medula óssea. Atualmente no estado, 516 pessoas aguardam por um transplante de órgão ou tecido. No Brasil, o número é bem maior, são mais de 43 mil brasileiros esperando na fila, que ainda é longa e a conta não bate, porque o número de doações é inferior à demanda.

Por isso, sensibilizar a população sobre a importância de ser um doador de órgãos é fundamental para equilibrar essa conta. Afinal, quando a família diz “sim", a vida continua.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Prefeitura de João Pessoa denuncia perfil falso que pede dados pessoais

Homem morre após sofrer tentativa de homicídio em Gurjão

João Pessoa utiliza câmeras para observar deslocamento de atletas durante eventos esportivos e realizar desvios no trânsito

Paraibano de 11 anos ganha ouro na Olimpíada Internacional de Matemática e bronze na Olimpíada Nacional de Informática