Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Decisão

CNJ determina que Tribunal de Justiça retome audiências de custódia na Paraíba

A decisão é do conselheiro Luiz Fernando Tomasi Keppen​, que concedeu liminar ao pedido de providências requerido pelos advogados Aécio Farias Filho e Raoni Vita​.

TJPB deverá retomar audiências de custódia (Foto: Walla Santos)

Por

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) determinou nesta quarta-feira (25), que o Tribunal de Justiça retome as audiências de custódia na Paraíba. A decisão é do conselheiro  Luiz Fernando Tomasi Keppen, que concedeu liminar ao pedido de providências requerido pelos advogados Aécio Farias Filho e Raoni Vita.

Os advogados alegaram ao CNJ que, desde o início da pandemia do COVID-19, o TJPB deixou de realizar audiências de custódia, nem mesmo por videoconferência, embora tenha sido publicado, no dia 04 de maio de 2020, notícia que indicava que os fóruns teriam sido equipados com instrumentos para a realização de  videoconferências, de modo a viabilizar a oitiva remota de partes, testemunhas e acusados. 

De acordo com a decisão, as audiências deverão ser realizadas presencial ou virtualmente e o prazo para retomada é de 10 dias.

Confira a decisão completa

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Roberto Carlos Nunes, ex-prefeito de Duas Estradas e pai da atual prefeita, morre vítima de covid-19

Governador institui 2021 como ano cultural José Lins do Rego na Paraíba

Juliette Freire se emociona ao reencontrar a mãe após vencer BBB21

Cagepa suspende abastecimento de água em dois bairros de João Pessoa nesta sexta-feira