Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Trabalhadores

Governo garante a retomada das obras do Canal Acauã Araçagi após férias coletivas de trabalhadores

O motivo foi justificado pelo atraso nos pagamentos por parte da Secretaria, das medições dos três últimos meses, pois não houve o repasse de recursos federais por parte do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR). ​

A obra é a maior obra hídrica do Estado da Paraíba, beneficiando mais de 600 mil habitantes de 38 municípios. A obra tem um valor total de cerca de R$ 800 milhões. (Foto: Reprodução)

Por

Por meio de uma nota divulgada nesta sexta-feira (20), a Secretaria de Estado da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente (Seirhma) informou que o Consórcio Construtor das obras do Canal Acauã/Araçagi decidiu dar férias coletivas por 15 dias aos trabalhadores da obra. 

O motivo foi justificado pelo atraso nos pagamentos por parte da Secretaria, das medições dos três últimos meses, pois não houve o repasse de recursos federais por parte do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR). 

Confira a seguir a nota na íntegra:           

A Secretaria de Estado da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente (Seirhma) informa que o Consórcio Construtor das obras do Canal Acauã/Araçagi decidiu dar férias coletivas por 15 dias aos trabalhadores da obra. Há um atraso nos pagamentos por parte da Secretaria, das medições dos três últimos meses, pois não houve o repasse de recursos federais por parte do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR). No entanto, o governador João Azevêdo, em reunião nesta última quarta-feira (18) com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, apresentou essa situação e conseguiu que o MDR autorizasse o Governo do Estado a fazer o pagamento com recursos próprios do Estado, referente à contrapartida do convênio, no valor de R$ 21 milhões.
 
Esses recursos estarão disponíveis para pagamento a partir da próxima semana. O Governador obteve também do Ministro o compromisso de buscar a normalização dos repasses dos recursos federais, a partir do próximo mês de outubro.
 
A Seirhma esteve reunida na manhã desta sexta-feira (20) com representantes do consórcio das empresas responsáveis pela construção e ficou acordado que, depois do período de 15 dias das férias coletivas dos trabalhadores, as obras serão retomadas em ritmo normal, não havendo, portanto, a desmobilização da obra.
 
O canal Acauã-Araçagi começou a ser construído há oito anos. É a maior obra hídrica do Estado da Paraíba, com 130,44 km, levando água de Araçagi até o rio Camaratuba, cortando vários municípios, o que possibilita a irrigação de 16 mil hectares, contribuindo para o crescimento e o desenvolvimento da região.
 
É a maior obra hídrica do Estado da Paraíba, beneficiando mais de 600 mil habitantes de 38 municípios. A obra tem um valor total de cerca de R$ 800 milhões.



Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

STF mantém decisão que determinou bloqueio em contas do Estado da Paraíba

Governador exonera diretora de rádio e TV da Empresa Paraibana de Comunicação

Aprovados nomes de membros suplentes do TRE na categoria Juiz de Direito

Tribunal de Justiça aprova fechamento de 15 comarcas no interior da Paraíba