Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Benefício

Contas de luz na Paraíba são amortecidas em 10,56% após medidas da ANEEL e Governo Federal

A amortização se dá por meio de redução de subsídios, melhor alocação de recursos e modernização do setor.​

Neste ano de 2020, a Medida Provisória nº 950/2020 viabilizou a implantação da Conta-Covid, operação de mercado criada para atenuar o impacto da pandemia nas contas de luz dos consumidores. (Foto: Walla Santos)

Por

Diversas medidas da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) em parceria com o Governo Federal estão amortecendo o valor das contas de luz da Paraíba em mais de 10%. A informação foi oficializada pela agência durante a solenidade de inauguração do Complexo Solar de Coremas, na Paraíba, nesta quinta-feira  (17).

A amortização se dá por meio de redução de subsídios, melhor alocação de recursos e modernização do setor. Neste ano de 2020, a Medida Provisória nº 950/2020 viabilizou a implantação da Conta-Covid, operação de mercado criada para atenuar o impacto da pandemia nas contas de luz dos consumidores, preservando a sustentabilidade do setor elétrico.

Já a Medida Provisória nº 998/2020, assinada em 1º/9/2020 pelo Presidente da República, a chamada MP do Consumidor, foi mais uma ação com o apoio da ANEEL para amortecer as tarifas, por meio de redução de subsídios, melhor alocação de recursos e modernização do setor.

Esse efeito de redução engloba três medidas principais. A primeira delas, em 2019, foi a quitação antecipada da chamada Conta ACR – empréstimo de R$ 21,2 bi que havia sido feito com objetivo de auxiliar as distribuidoras de energia que enfrentaram dificuldades com a crise hídrica de 2014.

De acordo com o diretor-geral da ANEEL, André Pepitone, a redução foi possível após trabalho conjunto com o Ministério de Minas e Energia, que aprovaram medidas entre 2019 e 2021 para amortecer os reajuste dos consumidores de energia elétrica da Paraíba em mais de 10%.

“Diante desses três atos de seu governo, presidente, só na Paraíba as tarifas de energia elétrica foram amortecidas em 10,56%. Isso significa redução na prática”,disse Pepitone, em discurso durante evento que teve ainda as presenças do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, dos diretores da ANEEL Sandoval Feitosa e Efrain Cruz e do presidente da Rio Alto Energia, Edmond Farhat.

O estado da Paraíba possui duas distribuidoras de energia elétrica, a Energisa Paraíba (EPB) e a Energisa Borborema (EBO). Com as medidas em questão, o reajuste da EBP teve amortecimento de -4,71% em 2019, -4,33% em 2020 e -1,48% para o ano de 2021. No caso da EBO, as medidas foram responsáveis por aliviar o reajuste de 2019 em -2,50%, 2020 em -3,66% e -5,82% nas tarifas de 2021.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Chef de Bananeiras, Marcílio Cavalcante, é entrevistado por Zeca Camargo nesta sexta-feira e dá dicas de passeios na Paraíba

Caixa Econômica abre 11 agências para pagamento do auxílio emergencial na Paraíba

Fundac divulga resultado preliminar do processo seletivo com 25 vagas temporárias para agentes socioeducativos na Paraíba

Bruno Cunha Lima e Romero Rodrigues anunciam os nomes da equipe de transição de Campina Grande