VEJA VÍDEO

Ex-diretor da PRF diz que prefeito paraibano mentiu e está sendo processado e gestor rebate: “quem está mentindo é o senhor”

O ex-diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Silvinei Vasques, citou ao longo de sua fala que o vídeo gravado pelo prefeito Charles Camaraense, de Cuité, teria conteúdo falso.

Ex-diretor da PRF diz que prefeito paraibano mentiu e está sendo processado e gestor rebate: "quem está mentindo é o senhor"

O vídeo citado pelo ex-diretor foi gravado no dia 30 de outubro de 2022, em um trecho da BR-104 que passa por Cuité. — Foto:Reprodução

Um vídeo gravado por um prefeito paraibano no segundo turno das eleições 2022 tornou-se um dos conteúdos debatidos ao longo da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do 08 de janeiro, na terça-feira (20), na Câmara Federal. Conforme apurou o ClickPB, o ex-diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Silvinei Vasques, citou ao longo de sua fala que o vídeo gravado pelo prefeito Charles Camaraense, de Cuité, teria conteúdo falso e que por isso o gestor estaria sendo processado. 

“Três matérias que se destacaram e a gente foi verificar. Uma era o prefeito de Caíté… Cuité, mentiu descaradamente e foi processado, até o nome dele mentiu. Inclusive fez campanha política, que é crime, num local que os Policiais ficaram por 39 minutos e um dos veículos que estavam lá era do juiz da comarca que foi conversar com ele” disse Silvinei durante a CPMI. “Mentiu descaradamente esse cidadão”, continuou, ao negar supostas ações orquestradas por parte da PRF para impedir eleitores de se dirigirem às urnas. 

O vídeo citado pelo ex-diretor foi gravado no dia 30 de outubro de 2022, em um trecho da BR-104 que passa por Cuité. Como trouxe o ClickPB, ao longo do conteúdo, Camaraense citava que “estava acontecendo nesse exato momento, em pleno dia de eleição, na entrada de Cuité, impedindo de algumas pessoas vir votar”. “Parece orquestrado, parece sim”, citava o gestor, no vídeo. 

RELEMBRE O CASO: Após denúncias de blitz na Paraíba e outros estados, Alexandre de Moraes intima diretor da PRF a parar operações

Após as declarações de Silvenei Vasques ontem (20), Charles rebateu o PRF e afirmou que o ex-diretor não sabe sequer o nome da cidade de onde ele é. “Ele me citou, não sabe nem o nome da cidade de onde eu sou. Disse que eu menti até sobre o meu nome. Talvez ele não entenda a cultura das cidades interioranas do nordeste. Meu nome é Charles Camaraense, desde sempre, nome que eu uso, que vem em alusão à minha família a meu pai. Então jamais eu omiti ou menti sobre o meu nome”, disparou o paraibano em um vídeo compartilhado nas redes sociais há pouco. 

“Vários cidadãos gravaram e postaram também nas redes sociais. Agora sim, o nosso vídeo foi que deflagrou em todo o Brasil uma onda de denúncia”, destacou o prefeito do PSB. 

Gestor pede que Silvinei mostre suposto processo

No vídeo de pouco mais de um minuto, Camaraense negou que esteja sendo processado e assegurou que não mentiu. Ele ainda desafiou Silvilei Vasques a publicar qualquer processo que tenha contra ele devido ao vídeo. “Se você diz que eu menti e que você me processou, mande ai e poste em suas redes sociais onde você quiser, o número de processo onde você diz que me processou. Quem está mentindo é o senhor, que foi feito uma operação orquestrada, no segundo turno para prejudicar as eleições sim”, continou. 

“Se tem alguém que está mentindo aqui é o senhor, ex-diretor da PRF, Silvanei Vasquez, você sim, está mentindo. Agora me processe” finalizou. 

VEJA VÍDEO:

https://www.w3.org/1999/xlink”… stroke=”none” stroke-width=”1″ fill=”none” fill-rule=”evenodd”>
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Charles Camaraense (@charlescamaraense)

COMPARTILHE

Bombando em Paraíba

1

Paraíba

Vídeo: Tempestade deixa rastros de destruição e alagamentos em Patos

2

Paraíba

Inmet emite dois alertas de chuvas para cidades da Paraíba com previsão de até 100 mm e ventos de 60 km/h; confira aqui

3

Paraíba

Aposta de João Pessoa ganha quase R$ 240 mil na loteria +Milionária

4

Paraíba

Gastos com São João de Santa Rita já ultrapassam R$ 4,4 milhões e ainda faltam valores de 57 atrações

5

Paraíba

Interdição deve deixar trânsito lento em trecho da BR-230, durante sete dias, em João Pessoa