Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Sobre covid-19

EXCLUSIVO: livros superfaturados sobre o coronavírus chegaram a ser distribuídos em Aroeiras

O ClickPB teve acesso a uma imagem que uma paciente publicou nas redes sociais agradecendo pelo livro que recebeu de um profissional da saúde.

Livros foram comprados por valor mais alto que o de mercado (Foto: Polícia Federal na Paraíba)

Por

As investigações da Polícia Federal encontraram indícios de que os livros superfaturados sobre covid-19, adquiridos pela prefeitura de Aroeiras, no Agreste paraibano, chegaram a ser distribuídos com a população.

O ClickPB teve acesso a uma imagem que uma paciente publicou nas redes sociais agradecendo pelo livro que recebeu de um profissional da saúde.

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (23), a Operação Alquimia, para investigar o desvio de recursos públicos mediante crimes licitatórios envolvendo a Prefeitura de Aroeiras. A operação foi deflagrada em conjunto com a Controladoria Geral da União (CGU), Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Estado da Paraíba – Gaeco, e com auxílio do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB).

A investigação foi motivada por denúncia feita pelo ClickPB, no último dia 15 de abril, que mostrou que a Prefeitura de Aroeiras havia adquirido, sem licitação, sete mil livros sobre o covid-19, no valor total de R$ 297,3 mil. Após a repercussão negativa, o prefeito chegou a divulgar uma nota afirmando ter desistido da compra.

A investigação da Polícia Federal demonstra que livros e cartilhas similares estão disponibilizadas gratuitamente na página do Ministério da Saúde na internet. 

Ademais, a CGU apontou que um dos livros foi adquirido pelo Município cerca de 330% acima do valor comercializado na internet, o que ocasionou um superfaturamento correspondente a R$ 48.272,00.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

João Azevêdo entrega pavimentação, ginásio e autoriza obras em Alagoa Nova, Lagoa Seca e São Sebastião de Lagoa de Roça

João Pessoa segue aplicando D1 para 12+, D3 para 60+ e D2 para demais públicos do plano vacinal

Prefeito Cicero Lucena assina empréstimo no valor de R$ 100 milhões para pavimentação de 500 ruas em João Pessoa

Dois Centros de Educação Infantil em João Pessoa serão os primeiros na testagem para inquérito sorológico nas escolas da Paraíba