Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Cautela

''Flexibilização tem que ser gradual e estudada'', diz secretário de Saúde sobre novo decreto estadual

O secretário explicou que é necessário ter cuidado para não abrir tudo e depois ter que fechar tudo.

Secretário afirmou que momento ainda é de cautela e vacinação ainda não chegou ao nível ideal (Foto: Walla Santos/ClickPB)

Por

Uma parte dos municípios paraibanos apresentou melhora em relação à pandemia de covid-19, saindo da bandeira laranja para a amarela, de acordo com o Plano Novo Normal. Apesar disso, ainda não é possível afirmar que os números continuarão em queda. ''A vacinação ainda não chegou num patamar que oferece essa segurança'', afirmou o secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, em entrevista ao ClickPB. Por isso mesmo, ele explicou que o novo decreto estadual ainda não deve flexibilizar totalmente as atividades.

''A flexibilização tem que ser gradual e estudada, para que a gente não tenha que abrir tudo e depois fechar tudo'', comentou. O secretário citou o exemplo da Europa, que depois de flexibilizar muito as atividades, vem enfrentando um retrocesso na pandemia, principalmente no Reino unido, onde circula a variante Delta. ''A OMS [Organização Mundial de Saúde] diz que pode surgir uma nova onda na Europa se nada for feito'', destacou.

Na Paraíba, há uma perspectiva de que os números se tornem piores na segunda quinzena de julho, como reflexo das comemorações de São João e São Pedro, já que muitas pessoas não respeitaram o isolamento social nesse período.

Todos esses fatores devem ser levados em consideração para definir os protocolos do novo decreto estadual, válido a partir do próximo sábado (3). O decreto atual só está vigente até esta sexta-feira (2). 

Geraldo Medeiros contou que a Secretaria de Saúde participará de reuniões com outros representantes do estado, nesta quinta e sexta-feira para discutir ponto a ponto o que deve constar no documento. Apesar de não ter adiantado nenhuma mudança específica no decreto, o secretário se mostrou cauteloso e afirmou que as decisões devem se basear no que for melhor para o povo paraibano.




Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

João Pessoa suspende vacinação contra Covid-19 neste domingo

Carro colide com van após condutor não obedecer sinalização em João Pessoa

João Azevêdo abre Dia D de Vacinação contra a Covid-19 em João Pessoa e pede que população se vacine

Cabedelo recebe Corrida Contra a Corrupção e estimativa é de 1,6 mil participantes neste domingo