Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Paraíba

Governo da Paraíba distribui vacina contra Covid-19 e municípios devem iniciar vacinação para idosos acima de 65 anos

A remessa atual é composta por imunizantes fabricados pelo Instituto Butantan e pela Fiocruz.

Além das novas doses, serão encaminhados para os municípios a segunda dose de vacinas equivalentes à sétima remessa, para completar o esquema vacinal da população. (Foto: Reprodução)

Por

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) recebeu, na tarde deste sábado (20), mais 91.150 doses de vacina contra Covid-19. A distribuição das doses será realizada na segunda-feira (22) e possibilitará a ampliação do público alvo para os idosos entre 65 e 69 anos. A remessa atual é composta por imunizantes fabricados pelo Instituto Butantan e pela Fiocruz.

Além das novas doses, serão encaminhados para os municípios a segunda dose de vacinas equivalentes à sétima remessa, para completar o esquema vacinal da população.

De acordo com a chefe do núcleo de imunização da SES, Isiane Queiroga, com a chegada destas doses será concluído o público entre 70 e 74 anos, fazendo com que a campanha de vacinação contra a covid-19 avance para uma nova faixa etária. 

“Vamos iniciar a vacinação em idosos dos 65 aos 69 anos e com isso mais um grupo de pessoas receberão a primeira dose de imunizante contra o novo coronavírus”, enfatiza.

Com o carregamento deste sábado, a Paraíba detém um total de nove remessas de imunizantes recebidas, totalizando 579.730. Deste quantitativo, 392.199 foram destinadas para a dose 1, e 187.129 para dose 2. 

Isiane Queiroga afirma que é necessário cumprir o intervalo adequado entre as doses, de acordo com a recomendação de cada fabricante, para a melhor resposta imune no indivíduo.

“É preciso respeitar o intervalo, bem como tomar a segunda dose do mesmo fabricante que a anterior. O agendamento das doses em tempo oportuno e adequado é fundamental para garantir a melhor resposta imunológica contra o vírus”, finaliza.

A vacina permite diminuir a disseminação do vírus, entretanto, é preciso seguir algumas recomendações tais como: não tomar a vacina se apresentar qualquer sintoma da covid-19; seguir corretamente o intervalo entre doses e não fazer teste rápido após tomar vacina, em caso de sintoma deve ser feito o Swab em tempo oportuno (3 a 7 dias do início dos sintomas).

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Justiça derruba lei que obrigava leitura da Bíblia em escolas de Campina Grande

Prefeitura disponibiliza vacina contra a Covid-19 em USFs, policlínicas, shopping e Centro Municipal de Imunização

João Pessoa registra mais de 100 carroceiros e animais recebem microchip para identificação

Plano de Governo do Major Fábio enfatiza segurança pública, hídrica, empreendedorismo, defende educação bilíngue e planeja concursos