Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

'Amigos do Rei'

Incra-PB diz que colabora com investigações da PF sobre concessões e desvio de verbas

A operação da PF foi deflagrada nesta quarta (13) e causou o afastamento do ex-superintendente Wilson Rodrigues e do ex-chefe de Serviço da Divisão de Desenvolvimento, Gilberto Ferreira.

Segundo o órgão, "a atual direção do Incra/PB ressalta que vem mantendo parceria com os órgãos de controle envolvidos, prestando todas as informações". (Foto: Divulgação)

Por

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) na Paraíba emitiu nota sobre a operação que resultou no cumprimento de mandados de busca e apreensão nos endereços de investigados na venda de  lotes  em assentamentos e em concessão ilegal de recursos do Crédito Instalação. A operação da PF foi deflagrada nesta quarta-feira (13) e causou o afastamento do ex-superintendente Wilson Rodrigues Chaves e do ex-chefe de Serviço da Divisão de Desenvolvimento, Gilberto Ferreira.

Segundo o órgão, "a atual direção do Incra/PB ressalta que vem mantendo parceria com os órgãos de controle envolvidos, prestando todas as informações e disponibilizando documentos para o andamento dos trabalhos por eles realizados."

Saiba mais

Polícia Federal revela nomes de servidores do Incra envolvidos na Operação Amigos do Rei


Veja a nota na íntegra

Nota à imprensa

Operação Amigos do Rei

A respeito da apuração de indícios de irregularidades na destinação e venda de lotes em assentamentos, além de ilegalidades na concessão de recursos do Crédito Instalação na Superintendência do Incra na Paraíba, a autarquia regional esclarece que apoiou integralmente as investigações conduzidas pela Controladoria-Geral da União, Polícia Federal (PF) e Ministério Público Federal (MPF).

A denominada Operação Amigos do Rei, deflagrada nesta quarta-feira (13), resultou no afastamento, pela Justiça, do ex-superintendente substituto, Wilson Rodrigues Chaves, e do ex-chefe de Serviço da Divisão de Desenvolvimento, Gilberto Ferreira, ambos integrantes da gestão anterior.

Também houve mandado de busca e apreensão nas residências dos possíveis envolvidos, na sede do instituto na Paraíba, e no município de Araruna, no qual se localizam os assentamentos alvo de investigação.

Desde quando assumiu, no final de agosto deste ano, a atual direção do Incra/PB ressalta que vem mantendo parceria com os órgãos de controle envolvidos, prestando todas as informações e disponibilizando documentos para o andamento dos trabalhos por eles realizados.

O Incra na Paraíba reforça, ainda, que se mantém firme na busca por uma gestão eficiente e proba na aplicação dos recursos públicos, visando sempre alcançar a missão incumbida à autarquia, de implementar a política de reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional, contribuindo para o desenvolvimento rural sustentável.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Cagepa suspende abastecimento de água em 13 localidades de João Pessoa neste domingo

Dilma é hostilizada em voo e se defende dos ataques dizendo que Bolsonaro: "defendem milícias"

Polícia encontra mulher morta debaixo de ponte no Sertão

Filhote entra para grupo de salvamento do Corpo de Bombeiros