Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Eleições 2020

Justiça Eleitoral condena candidato à reeleição em Barra de São Miguel a pagar multa de R$ 20 mil por usar 'paredão de som' em carreata e promover aglomeração durante pandemia

O ato partidário foi amplamente divulgado não só na cidade, mas também em cidades circunvizinhas por meio do paredão de som "Caminhão DD Motos", prática configurada como crime eleitoral.

"O candidato realizou propaganda eleitoral irregular com direito a passeata e carreata, com a ativa participação de pré-candidatos, em momento anterior ao legalmente permitido", diz trecho da decisão. (Foto: reprodução)

Por

A Justiça eleitoral condenou nesta quarta-feira (28) o prefeito candidato à reeleição em Barra de São Miguel, João Batista Truta ao pagamento de multa de R$ 20 mil por promover aglomeração com uso de 'Paredão de Som' durante passeata e carreata fora do prazo legal da propaganda eleitoral. A representação foi feita pela adversária, ex-prefeita Luci Lopes.

O ato partidário foi amplamente divulgado não só na cidade, mas também em cidades circunvizinhas por meio do paredão de som "Caminhão DD Motos", prática configurada como crime eleitoral.

Segundo a decisão do juíz Falkandre de Sousa Queiroz, ao qual o ClickPB teve acesso, além do gestor ir contra a orientação de evitar aglomerações por conta da pandemia da covid-19, ainda realizou prática irregular, uma vez que só após o dia 27 de setembro foi iniciado o prazo legal para as campanhas eleitorais. O candidato realizou a propaganda de forma antecipada, no dia 13 de setembro.

"O candidato realizou propaganda eleitoral irregular com direito a passeata e carreata, com a ativa participação de pré-candidatos, em momento anterior ao legalmente permitido", diz trecho da decisão.

Acesse a decisão na íntegra aqui.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

João Azevêdo anuncia folhas de pagamento no valor de R$ 1 bilhão e 300 milhões

Gol terá que pagar indenização de R$ 5 mil por deixar passageira esperando por mais de 10h em aeroporto

Juiz manda apreender computadores e celulares de hacker suspeito de crimes em João Pessoa

Com pandemia e aumento das vendas online, confira os principais cuidados na hora de comprar nesta sexta-feira de BlackFriday