Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Sem incidentes

Mesmo com fortes chuvas em João Pessoa, Defesa Civil não registra ocorrências graves e mantém equipes de plantão

Foram registrados pontos de alagamento em algumas vias da cidade, mas sem incidentes, de acordo com órgão.

Um muro de uma casa no bairro do Castelo Branco foi parcialmente derrubado com as chuvas. (Foto: Secom-JP)

Por

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de João Pessoa (Compdec/JP) está com suas equipes de prontidão após a intensa chuva registrada entre a noite desta sexta-feira (20) e madrugada de sábado (21). Só nas últimas 24h, as precipitações chegaram a 132,4 milímetros - ultrapassando a média histórica para o mês de maio inteiro (132 mm), com um crescimento de 11,7%. Apesar do alto volume, nenhuma ocorrência grave foi registrada pelo órgão.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, coronel Kelson Chaves, foram registrados pontos de alagamento em algumas vias da cidade, mas sem incidentes. Segundo ele, a única ocorrência de relevância foi o desabamento parcial do muro de uma casa no bairro do Castelo Branco, mas sem vítimas.

As equipes da Defesa Civil foram até a residência e deram toda assistência à família, que precisou ser retirada do local por questão de segurança. Os cinco moradores estão abrigados temporariamente no Centro de Referência em Educação Infantil (Crei) Júlia Nunes de Figueiredo, no Castelo Branco.

“Mesmo com o forte volume de chuva, nenhuma ocorrência mais grave foi registrada, inclusive em áreas ribeirinhas, devido, justamente, ao trabalho preventivo que realizamos durante todo o ano. Os pontos de alagamentos foram ocasionados pelo subdimensionamento da rede de coleta pluvial, em virtude de obstrução de galeria ou bueiro, o que ocorre pela existência de plástico ou outros objetos que são jogados nas vias”, explicou Kelson Chaves.

Dados pluviométricos – A média de chuva acumulada em João Pessoa, até o momento, para o mês de maio é de 149,5 milímetros. Os bairros onde mais choveu foram: Tambauzinho - 188,4 mm; Centro – 181 mm; Grotão - 177,2 mm; Manaíra – 170 mm; Altiplano - 168,6 mm; e Cuiá - 151,4.  Os dados são do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden).

Em caso de ocorrência – O coordenador da Defesa Civil do município informou que a tendência é continuar chovendo ao longo do final de semana. Em caso de ocorrência, a população deve acionar a Defesa Civil pelos números 0800-285-9020 ou 98831-6885.

“Nossas equipes estão de prontidão para atender a qualquer chamado em caso de mais precipitações”, afirmou Kelson Chaves.

Previsão do tempo - Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão para o restante do dia deste sábado (21) é de tempo encoberto com chuva e ventos de fraco a moderado, com rajadas. Neste domingo (22), o tempo deve permanecer encoberto.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Bebê é internado em estado grave e com sinais de maus tratos no Hospital de Trauma em João Pessoa

IFPB é bicampeão mundial da Huawei ICT Competition na categoria nuvem

Empaer realiza leilão virtual de 63 carros usados, no próximo sábado; Saiba como participar

Gilmar Mendes manda para o TRE-PB processo principal da Operação Calvário ao acatar recurso do ex-governador Ricardo Coutinho