Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Pandemia

Novo decreto de Campina Grande autoriza funcionamento de lojas de tecidos e passageiros só embarcarão com máscaras em ônibus

A determinação anunciada pelo prefeito Romero Rodrigues, neste sábado (2), vai constar no novo decreto com regras para a quarentena de combate à pandemia do novo coronavírus.

Em forma de recomendação, os motoristas e usuários do transporte público (ônibus urbanos, táxis, mototáxis e veículos de aplicativos) terão de usar obrigatoriamente máscaras como meio de proteção ao coronavírus. (Foto: Divulgação)

Por

Lojas de tecidos poderão abrir em Campina Grande a partir da segunda-feira (4). A determinação anunciada pelo prefeito Romero Rodrigues, neste sábado (2), vai constar no novo decreto com regras para a quarentena de combate à pandemia do novo coronavírus.

Ainda segundo a prefeitura, o município de Campina Grande vai manter a política de isolamento social em atendimento às orientações da Organização Mundial de Saúde e dos Ministérios Públicos Estadual, Federal e do Trabalho. Campina também estará em sintonia com o decreto estadual, em vigor até o dia 18 de maio. O novo decreto de Romero Rodrigues deverá ser publicado até a segunda-feira.

Em forma de recomendação, os motoristas e usuários do transporte público (ônibus urbanos, táxis, mototáxis e veículos de aplicativos) terão de usar obrigatoriamente máscaras como meio de proteção ao coronavírus.

O prefeito comemorou a inclusão de segmentos econômicos como atividades essenciais, no último decreto do governador João Azevedo publicado nessa sexta-feira (1º). Foram liberados para funcionamento o setor de venda de equipamentos agrícolas, imobiliárias, comercialização e suprimentos de produtos de informática e provedores de internet.

Romero Rodrigues explicou que a abertura de lojas de tecidos em Campina Grande vai oferecer uma contribuição ao setor de saúde. A meta é estimular a produção de máscaras artesanais, caseiras ou profissionais.

Os passageiros apenas terão acesso aos ônibus se estiverem com máscaras. Romero Rodrigues também esclareceu que as demais ações de prevenção, conscientização e de combate ao coronavírus, em Campina Grande, serão intensificadas, com o objetivo de abrir gradualmente o comércio da cidade. Por isso, ainda terá continuidade a implantação de lavatórios, higienização de áreas públicas e a distribuição de milhares de máscaras nas áreas de maior movimentação do município.

O gestor relatou que a Prefeitura de Campina Grande está estruturando o Hospital Municipal Pedro I, que é referência para pacientes com coronavírus. Também avançam os serviços de construção do hospital de campanha, anexo ao Pedro I, com a oferta de mais 42 leitos.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Covid-19 pode deixar sequelas graves, mesmo em quem venceu a doença, alerta secretário de Saúde

Detran-PB adota entrega de CRLV apenas na versão digital

Três escolas estaduais representam a Paraíba em premiação nacional de gestão escolar

Secretário de Saúde Geraldo Medeiros apela para população evitar aglomerações no feriadão