Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Saúde

Opera Paraíba contabiliza mais de nove mil cirurgias até o mês de outubro

A iniciativa visa extinguir a fila de espera por procedimentos cirúrgicos eletivos em toda a Paraíba e só nos últimos três meses contemplou 5.125 pacientes que aguardavam por intervenções.

Dentre as especialidades atendidas pelo programa, estão otorrinolaringologia, ginecologia, proctologia, oftalmologia e cirurgia geral. (Foto: reprodução)

Por

O Programa Opera Paraíba, retomado no mês de agosto deste ano após parar as atividades por conta da pandemia, contabiliza 9.692 procedimentos realizados desde a sua criação, em 2019. Só no mês de outubro, até esta segunda-feira (25), já foram realizados por meio do programa 948 procedimentos gerais (adultos e pediátricos) e mais 1.244 cirurgias de catarata.
 
A iniciativa visa extinguir a fila de espera por procedimentos cirúrgicos eletivos em toda a Paraíba e só nos últimos três meses contemplou 5.125 pacientes que aguardavam por intervenções. De acordo com o secretário de Saúde do estado, Geraldo Medeiros, o programa preenche um vazio assistencial que existe há anos e que agora começa a ser sanado com a parceria entre estado e municípios.
 
"O Programa Opera Paraíba traz para a população a possibilidade de realizar procedimentos que são aguardados, muitas vezes, durante anos. Nós conseguimos avançar na assistência de mais de 5 mil pessoas só nos últimos meses e trouxemos qualidade de vida para pacientes que esperavam há anos por uma intervenção cirúrgica", ressalta.
 
Dentre as especialidades atendidas pelo programa, estão otorrinolaringologia, ginecologia, proctologia, oftalmologia e cirurgia geral. Os pacientes selecionados para os procedimentos são encaminhados pelos municípios, que realizam os exames pré-operatórios e garantem o transporte até a unidade onde serão realizadas as intervenções.
 
As cirurgias do programa são realizadas nos hospitais geridos pelo Governo do Estado. No mês de outubro o Hospital de Clínicas de Campina Grande passou a fazer parte da força-tarefa do Opera Paraíba que já conta com 15 unidades: Hospital Regional de Picuí; Hospital Regional de Monteiro; Hospital Distrital de Itaporanga; Hospital Regional de Catolé do Rocha; Hospital Regional de Cajazeiras; Hospital Regional de Sousa; Hospital Regional de Itabaiana; Hospital Rui Carneiro, em Pombal; o Hospital Geral de Queimadas; Hospital de Belém; Hospital Regional de Mamanguape; Hospital de Trauma de Campina Grande; Maternidade Peregrino Filho, em Patos; Hospital Infantil Noaldo Leite, em Patos; e Hospital Regional de Piancó.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Polícia apreende arma de fogo e prende dois suspeitos em Campina Grande

Peregrinação com Nossa Senhora da Penha percorre principais ruas de João Pessoa neste sábado

João Azevêdo inspeciona obras do sistema de abastecimento de água de Monteiro que beneficiará mais de mil famílias

TJPB publica edital para acordo direto de precatórios do município de João Pessoa