Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Saúde

Opera Paraíba ultrapassa a marca de 7.500 cirurgias e meta para outubro é atingir mais de 2 mil procedimentos

Para o mês de outubro, estão programadas mais de 2 mil cirurgias, entre cirurgias gerais e oftalmológicas.

O mutirão de cirurgias eletivas foi retomado no último mês de agosto, e só este ano 2.054 pessoas foram beneficiadas com algum dos procedimentos oferecidos. (Foto: reprodução)

Por

O Opera Paraíba chega ao fim do mês de setembro com um saldo positivo na conta: já são 7.590 cirurgias realizadas desde o início do programa, em 2019. O mutirão de cirurgias eletivas foi retomado no último mês de agosto, e só este ano 2.054 pessoas foram beneficiadas com algum dos procedimentos oferecidos.

Para o mês de outubro, estão programadas mais de 2 mil cirurgias, entre cirurgias gerais e oftalmológicas. “Nossa previsão é continuar com o programa no sentido de zerar a fila até o final do próximo ano, atendendo cerca de 20 mil paraibanos e paraibanas que necessitam de cirurgias eletivas”, disse o secretário de Saúde, Geraldo Medeiros.
 
A dona de casa Maria Eugênia, de 46 anos, moradora da cidade de Boa Vista, foi uma das contempladas. A paciente tinha uma pedra na vesícula há 26 anos, e já estava sem esperança de conseguir o procedimento. Ela conta que durante todos esses anos foram vários episódios de dores intensas, que se agravaram nos últimos meses. 
 
No último dia 11 de setembro, a paciente foi submetida à cirurgia, que aconteceu no Hospital de Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande. “Pra mim foi um presente de Deus conseguir essa cirurgia, porque nesses anos todos, eu não tive saúde e a situação só pirou. Recentemente o médico disse que eu precisava de uma cirurgia urgente”, contou a dona de casa.
 
A força-tarefa tem passado por vários municípios paraibanos atendendo todas as regiões do estado e beneficiando pessoas que estão há anos na fila de espera. “O programa Opera Paraíba, idealizado pelo Governo do Estado, comtempla os paraibanos e paraibanas que há 50 anos exigiam e clamavam por um vazio assistencial que deveria ser preenchido. Nesse momento nós temos os números que evidenciam o êxito do programa”, destacou o secretário de estado da saúde, Geraldo Medeiros.
 

 

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Prefeitura de Cabedelo apresenta Campanha Verão 2022: "Aqui é Cabedelo"

Governo da Paraíba paga mais de R$ 1 milhão às equipes de saúde que bateram meta de vacinação covid-19

Réveillon de Cabedelo terá queima de fogos de artifício em Intermares e Formosa

Presidente da Assembleia de Deus na Paraíba, pastor José Carlos passa por cirurgia de cateterismo e segue internado em UTI