Investigados

Polícia Federal indicia Neto Ais e Fabrícia e mais 14 membros da Braiscompany por esquema de pirâmide financeira

A empresa tornou-se alvo da PF e dos Ministérios Públicos da Paraíba e Federal desde que clientes passaram a denunciar a instituição por falta de pagamentos aos investidores.

Polícia Federal indicia Neto Ais e Fabrícia e mais 14 membros da Braiscompany por esquema de pirâmide financeira

Polícia Federal cumpriu mandados e bloqueou R$ 136 milhões da Braiscompany em operação no dia 21. O casal Neto Ais e Fabrícia continua foragido. — Foto:Reprodução/Redes sociais

A Polícia Federal indiciou 16 pessoas as quais estão sendo acusadas de envolvimento na prática de pirâmide financeira na Braiscompany, de Campina Grande. A empresa tornou-se alvo da PF e dos Ministérios Públicos da Paraíba e Federal desde que clientes passaram a denunciar a instituição por falta de pagamentos aos investidores.

Os sócios proprietários da Braiscompany, o casal Antônio Neto Ais e Fabrícia Campos, são dois dos indiciados. O relatório é assinado pelo delegado Victor de Arruda Oliveira.

A Polícia Federal cumpriu mandados de busca e apreensão e bloqueou R$ 136 milhões da Braiscompany em operação na última sexta-feira (21). O casal Neto Ais e Fabrícia continua foragido.

Saiba mais

COMPARTILHE

Bombando em Paraíba

1

Paraíba

Congestionamento de 9 km deixa trânsito lento na BR-230, na Grande João Pessoa

2

Paraíba

Biliu de Campina segue internado na UTI do Trauma; assessoria fala em “momento delicado”

3

Paraíba

Nasce Aisha, segunda filha do atacante paraibano Hulk com Camila Ângelo

4

Paraíba

Prédio abandonado pega fogo no Centro Histórico de João Pessoa

5

Paraíba

Influenciador morre e Prefeitura da Paraíba cancela programação de São João