Opinião

Por que os advogados devem ser contra a partidarização da OAB/PB: um alerta crítico

Penso que a credibilidade da Ordem é fundamental para que ela exerça eficazmente sua função de fiscalizar o exercício da advocacia e promover o acesso à justiça.

advogados

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) tem um papel crucial na defesa dos direitos e na manutenção da justiça no país. No entanto, quando essa instituição se torna alvo de partidarização, os advogados têm motivos sérios para preocupação. Na Paraíba, a discussão sobre a possível partidarização da OAB local tem despertado debates acalorados. Aqui, exploraremos os motivos pelos quais os advogados devem estar firmemente contra esse fenômeno.

A OAB, como órgão representativo dos advogados, deve permanecer independente de interesses político-partidários. A partidarização comprometeria sua imparcialidade e minaria sua capacidade de agir em defesa dos direitos fundamentais e do estado de direito.

Penso que a credibilidade da Ordem é fundamental para que ela exerça eficazmente sua função de fiscalizar o exercício da advocacia e promover o acesso à justiça. Qualquer sinal de partidarização minaria essa credibilidade, colocando em xeque sua capacidade de representar de forma imparcial os interesses da sociedade e dos advogados.

Nossa seccional da OAB deve ser uma instituição democrática, onde todas as vozes são ouvidas e respeitadas. A partidarização poderia criar divisões internas baseadas em filiações políticas, minando a coesão e a eficácia da instituição.

No meu íntimo e penso que de todos os colegas, advocacia é uma profissão pautada por princípios éticos e morais. A partidarização da OAB poderia comprometer esses princípios, levando a conflitos de interesse e ações que não estejam alinhadas com a ética profissional.

Fora tudo isso, a OAB tem um papel fundamental na proteção dos direitos individuais e coletivos dos cidadãos. Qualquer interferência partidária poderia distorcer essa missão, priorizando interesses políticos em detrimento dos direitos fundamentais.

Em um momento em que a defesa do estado de direito e dos princípios democráticos é mais importante do que nunca, os advogados devem permanecer vigilantes e unidos contra qualquer tentativa de partidarização da OAB. A independência, a imparcialidade e a credibilidade da instituição estão em jogo, e cabe a todos os advogados defender esses valores fundamentais.

*Por Leandro Carvalho

COMPARTILHE

Bombando em Paraíba

1

Paraíba

Prefeitura de Aguiar gasta R$ 175 mil com dois shows para festa de ‘João Pedro’

2

Paraíba

Operação policial apreende armas de fogo e prende sete suspeitos de integrar facções criminosas em Patos

3

Paraíba

Polícia Civil prende homem com armas de fogo, munições e celulares sem nota fiscal em Juazeirinho

4

Paraíba

Especialista explica como ficou ‘lei das saidinhas’ após mudanças no governo Lula

5

Paraíba

João Pessoa tem oficina gratuita para ajudar contribuinte a declarar Imposto de Renda; veja como participar