Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Relatório

Presidente do TCE diz que R$ 1 bilhão e 300 milhões destinados ao combate da Covid-19 na Paraíba não foram identificados

A informação foi divulgada pelo presidente do órgão, Fernando Catão, durante entrevista ao programa Rede Verdade, do Sistema Arapuan de Comunicação, nesta quarta-feira (20).

Presidente do TCE, Fernando Catão, disse que não sabe a aplicação de 50% do valor enviado pelo Governo Federal à Paraíba para combate à pandemia. (Foto: Walla Santos)

Por

Cerca de R$ 1 bilhão e 300 milhões de recursos federais que foram repassados à Paraíba para enfrentamento à Covid-19 não foram identificados pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB). A informação foi divulgada pelo presidente do órgão, Fernando Catão, durante entrevista exclusiva ao programa Rede Verdade, do Sistema Arapuan de Comunicação, nesta quarta-feira (20).

De acordo com Catão, o motante corresponde cerca de 50% do total que foi enviado ao estado para o combate à doença nos 223 municípios, o que corresponde em torno de R$ 2 bilhões e 700 milhões. Para ele, uma possível explicação seria a não formalização do empenho ou aplicação do valor no sistema pelos prefeitos da Paraíba.

"Recebi o relatório hoje e que deve ser apreciado amanhã. E nele, dos recursos transferidos no ano de 2020 e 2021 para o Estado e Municípios, algo em torno de R$ 2 bilhões e 700 milhões de reais, nós identificamos que 1 bilhão e 300 milhões, nós não conseguimos identificar que aplicação foi feita desse valor no combate a Covid e esses recursos vieram especificamente para isso", disse.

"Então isso já foi motivo de alerta a todos os prefeitos e ao próprio Governo do Estado e esperamos que na prestação de contas esses fatos sejam esclarecidos. E é aí que entra o serviço de inteligência da auditória que vai se debruçar em cima desses dados", concluiu Catão.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Coordenadoria LGBT faz parceria com Celest para oferta de cursos e capacita servidores para atendimento

Caravana da Rede Cuidar chega a Catolé do Rocha e Pombal neste final de semana

Além de João Pessoa, Campina Grande deve ganhar um Centro de Atendimento ao Autista inaugurado até final de março, prevê secretário

Prefeitura e Grupo Havan firmam parceria e Água Fria ganhará terceira faixa para desafogar trânsito