Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Imunização

Profissionais de Lucena serão 'retreinados' pelas equipes da Secretaria Estadual de Saúde da Paraíba para vacinação contra covid-19

Aqueles que tomaram a vacina vencida, tanto crianças e adultos, serão revacinados num período de 30 dias.

Profissionais serão retreinados em Lucena pela Secretaria Estadual de Saúde. (Foto: Reprodução)

Por

Os profissionais do município de Lucena, no Litoral Norte da Paraíba, serão retreinados para a vacinação contra Covid-19 após o escândalo nacional sobre imunização de crianças com vacinas para adultos. A vacina específica para o público infantil só chegou na Paraíba na última sexta-feira (14), mas antes disso, na cidade litorânea já havia começado a imunização desde dezembro de 2021.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, o retreinamento dos profissionais serão feitos pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PB). Desde ontem (17), equipes estão na cidade buscando informações sobre a vacinação. Aqueles que tomaram a vacina vencida, tanto crianças e adultos, serão revacinados num período de 30 dias.

“Fazendo o levantamento de quantas pessoas foram vacinadas com vacinas vencidas porque elas terão que ser revacinadas com 30 dias e depois do treinamento do pessoal, deve ficar uns três meses lá com a Secretaria estadual de Saúde que é quando termina a vacinação em crianças”, disse Medeiros, em conversa com o ClickPB.

Quatro profissionais de saúde do município de Lucena, incluindo o secretário de Saúde, Antônio Paulo, foram afastados das suas funções após o escândalo. O Ministério Público Federal (MPF) já ouviu a técnica de enfermagem que contou que recebeu a ordem para vacinar todas as pessoas e o prefeito da cidade, Leo Bandeira. 

Enquanto isso, a vacinação em Lucena segue suspensa temporariamente, segundo informou o secretário Geraldo Medeiros. “Enquanto isso o Estado ficará responsável pela vacinação”, frisou. 

Leia mais:

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Bebê é internado em estado grave e com sinais de maus tratos no Hospital de Trauma em João Pessoa

IFPB é bicampeão mundial da Huawei ICT Competition na categoria nuvem

Empaer realiza leilão virtual de 63 carros usados, no próximo sábado; Saiba como participar

Gilmar Mendes manda para o TRE-PB processo principal da Operação Calvário ao acatar recurso do ex-governador Ricardo Coutinho