Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Retorno

Profissionais e produtores de eventos se reúnem com secretários do Estado e da Prefeitura de João Pessoa para apresentar plano de flexibilização

A decisão ocorreu em reunião ocorrida nessa quinta-feira (24) em um hotel do bairro de Tambaú, em João Pessoa.​

Mais de 70 pessoas se reuniram na tarde dessa quinta-feira para discutir a questão do setor de eventos em João Pessoa e Campina Grande. (Foto: Fábio Henrique)

Por

Os representantes da Associação Paraibana de Produtores e Profissionais de Grandes Eventos (Apage) devem se reunir na próxima semana com secretários do Governo da Paraíba e do município de João Pessoa para apresentar um plano estratégico de flexibilização da atividade nas cidades de João Pessoa e de Campina Grande. As reuniões estão pré-agendadas para terça-feira e quarta-feira. A decisão ocorreu em reunião ocorrida nessa quinta-feira (24) em um hotel do bairro de Tambaú, em João Pessoa.

Nesse plano estratégico constam medidas de prevenção sanitárias como limitação de público, uso de máscaras e distanciamento social. Um dos representantes da comissão que reivindica a volta da realização dos eventos, Gilberto Ruy, presidente do Clube Cabo Branco, contou que nessa reunião ficou formalizada a chapa que irá se reunir com os representantes dos poderes públicos para apresentar a situação da categoria e o plano estratégico de flexibilização. 

“Há uma reunião pré-agendada com o secretário de Articulação do município de João Pessoa, na terça-feira, e na quarta-feira com o secretário de Comunicação do Estado. Vamos apresentar o plano e quem sabe nos próximos dias voltar as atividades”, comentou em entrevista ao ClickPB.

Ainda de acordo com Gilberto Ruy, a ideia é voltar as atividades, pois há eventos programados para o mês de outubro como a Brasil Mostra Brasil e outros que já estão marcados desde o ano passado. Eles irão seguir um limite de capacidade de cada lugar. A previsão é de 40%, mas em alguns locais podem optar por um percentual menor. Além disso, deverão seguir a questão da higienização, distanciamento social, uso de máscaras e outros protocolos sanitários.

O setor está há sete meses sem atividades, o que tem afetado diretamente a situação financeira de todos. No Brasil são mais de 800 mil desempregados e um prejuízo de R$ 980 bilhões, segundo contou o empresário. As medidas de saúde adotadas pelos órgãos do Estado e da Prefeitura de João Pessoa para evitar aglomerações, infecção e disseminação do novo coronavírus provocou o fechamento de casas de shows e prejudicou quem trabalha na área.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Ordem de serviço para construção da reitoria do IFPB no antigo Caic é assinada e obras estão orçadas em mais de R$ 15 milhões

Polícia apreende 11 espingardas usadas para caçar animais no sertão da Paraíba

Projeto de Lei quer aumentar salário de secretários de R$ 10 mil para R$ 12 mil e pagar 13º salário de prefeito e vice em Cabedelo

Confira e compare planos de governo dos candidatos que disputam segundo turno das Eleições em João Pessoa