Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Saúde

Projeto de Lei prevê piso de R$ 4.700 para enfermagem, proporcional de 70% para técnicos e 50% para auxiliares e tem apoio de presidente do Coren-PB: " é uma conquista de mais de 20 anos de luta"

Segundo ela, caso seja aprovado em todas as etapas, além do aumento salarial, haverá reajuste anual para todos os trabalhadores do segmento.

Para Rayra, o projeto é fruto de uma ampla mobilização da categoria e de pactuação de consensos, a inclusão do projeto na pauta do Senado atende a uma demanda histórica da categoria, que há 20 anos luta por valorização salarial. (Foto: reprodução)

Por

O PL 2564/2020 de autoria do senador Fabiano Contarato (Rede-ES), que estabelece o Piso Salarial Nacional para a Enfermagem, previsto para ser votado nesta quarta-feira (24), no Senado, traz o valor de R$4.700 para enfermeiro, 70% para técnico e 50% para auxiliares. Em entrevista ao ClickPB, a presidente do Conselho Regional de Enfermagem – Coren PB, Rayra Bezerra, falou sobre a expectativa e do impacto para toda a categoria.

Para Rayra, o projeto é fruto de uma ampla mobilização da categoria e de pactuação de consensos, a inclusão do projeto na pauta do Senado atende a uma demanda histórica da categoria, que há 20 anos luta por valorização salarial.

Segundo ela, caso seja aprovado em todas as etapas, além do aumento salarial, os valores serão atualizados anualmente pelo Índice Nacional de Preços aos Consumidor (INPC).

 "Esse PL traz o valor de R$4.700 para enfermeiro, 70% para técnico e 50% para auxiliares. Depois de mais 20 anos de muita luta, chegou o dia. É uma das etapas do processo, depois seguirá para a Câmara. Os benefícios além do salário, será o reajuste anual. Com o piso, os trabalhadores dessa categoria terão mais dignidade para que possamos não trabalhar em dois ou três empregos para ter que sustentar nossas famílias com o básico", destacou.

Os valores são baseados numa jornada de 30 horas semanais e são válidos para União, estados, municípios, Distrito Federal e instituições de saúde privadas.  

De acordo com o Portal e-Cidadania, do Senado, o projeto de lei que prevê um piso salarial para enfermeiros e técnicos e auxiliares de enfermagem da rede pública e privada, além de parteiras, chegou à marca de mais de 1 milhão de apoios. 



Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

População reclama de existência de área VIP no São João de Santa Rita: "discriminando o povo"

Saúde adere campanha para aumentar coberturas vacinais na Paraíba

Programa Opera Paraíba leva mutirão de 300 cirurgias de catarata para o Hospital Geral de Queimadas

Menina de 12 anos transforma cinco vidas com doação de múltiplos órgãos registrada no Hospital de Trauma de João Pessoa