Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Documento

Secretaria de Saúde divulga fluxo para emissão de carteira da pessoa com fibromialgia em João Pessoa

Eles poderão utilizar o documento para a identificação em determinados locais nos quais necessitem de atendimento preferencial.

A Secretaria de Saúde de João Pessoa organizou um fluxo para a emissão de carteira da pessoa com fibromialgia (Foto: Ivomar Gomes)

Por

A Secretaria de Saúde de João Pessoa organizou um fluxo para a emissão de carteira da pessoa com fibromialgia, atendendo à lei municipal que protege os direitos dos cidadãos acometidos por esta síndrome. Eles poderão utilizar o documento para a identificação em determinados locais nos quais necessitem de atendimento preferencial.

Para a emissão da carteira, o usuário deve se dirigir à sua unidade de saúde da família de referência, portando os seguintes documentos: RG, CPF, foto 3x4, Cartão SUS, comprovante de residência em João Pessoa e laudo atualizado de diagnóstico da fibromialgia. As USFs funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 12h às 16h.

“Caso o usuário não tenha laudo médico comprovando que tem fibromialgia, poderá marcar uma consulta com o reumatologista, diretamente na Policlínica Municipal do Cristo ou Jaguaribe”, destacou Anne Helga Almeida, gerente de Atenção Especializada da Secretaria Municipal de Saúde. As policlínicas municipais funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.

A documentação passará por análise da Secretaria de Saúde e, por fim, o usuário receberá a carteira através da Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania (Sedhuc).

Serviço – As pessoas com fibromialgia, em João Pessoa, podem ser atendidas no Centro de Reabilitação e Tratamento da Dor (Cendor). O serviço é referência em reabilitação e tratamento da dor nas pessoas acometidas por síndromes dolorosas crônicas. São oferecidos atendimentos médicos nas especialidades de medicina da dor, reumatologia, neurologia, psiquiatria e dermatologia.

Os pacientes de dor crônica devem ser encaminhados ao Cendor através das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e passar pela regulação municipal. O Cendor fica localizado na rua Agente Fiscal José Costa Duarte, s/n, em Mangabeira II (anexo ao Ortotrauma). O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Quem desejar entrar em contato para informações deve ligar para os números 3239-1221 ou 3239- 3225.

Fibromialgia – É uma síndrome clínica que se manifesta com dor no corpo todo, principalmente na musculatura. A dor é acompanhada de sintomas de fadiga (cansaço), sono não reparador e outros sintomas como alterações de memória e atenção, ansiedade, depressão e alterações intestinais.

Lei Municipal – A Lei Ordinária 13.991/2020 institui a Política Municipal de Proteção aos Direitos da Pessoa com Fibromialgia no município de João Pessoa, com diretrizes como atendimento multidisciplinar, participação da comunidade na formulação de políticas públicas voltadas para este grupo, disseminação de informações relativas ao tema, incentivo à formação e capacitação de profissionais especializados na assistência a este público e atendimento preferencial às pessoas com fibromialgia nos órgãos municipais, empresas privadas e comerciais.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Prefeitura de Cabedelo apresenta Campanha Verão 2022: "Aqui é Cabedelo"

Governo da Paraíba paga mais de R$ 1 milhão às equipes de saúde que bateram meta de vacinação covid-19

Réveillon de Cabedelo terá queima de fogos de artifício em Intermares e Formosa

Presidente da Assembleia de Deus na Paraíba, pastor José Carlos passa por cirurgia de cateterismo e segue internado em UTI