Saúde

Secretário de Saúde da Paraíba recomenda máscaras para grupo de risco, apesar de não haver casos da nova variante no Brasil

Como apurou o ClickPB, a subcepa 'BA.6' já foi identificada em 51 países.

Secretário de Saúde da Paraíba recomenda máscaras para grupo de risco, apesar de não haver casos da nova variante no Brasil

Secretário de Saúde da Paraíba, Jhony Bezerra.

Apesar de não haver haver casos confirmados da nova variante do coronavírus no Brasil, o ClickPB conversou com exclusividade com o secretário de saúde da Paraíba, Jhony Bezerra, que recomenda uso de máscaras para pessoas que fazem parte do grupo de risco. Como apurou o ClickPB, a subcepa ‘BA.6’ já foi identificada em 51 países. 

Ao ClickPB, o secretário de Saúde da Paraíba, Jhony Bezerra, disse que não há motivos para alerta no estado, já que não há casos da variante Eris confirmados no Brasil, nem registros de aumentos de casos graves e internações em países da Europa. 

“A Paraíba segue monitorando todos os casos. A gente tem acompanhamento diário desse painel de número de casos, de vacinados. Então, a recomendação é que as pessoas que são dos grupos que são mais suscetíveis à doenças graves usar máscara. Mas, não há recomendação de obrigatoriedade do ministério da saúde, nem da secretaria. Não há motivos para nenhuma preocupação, nem qualquer tipo de gravidade em relação ao surgimento dessa nova variante”, afirmou o secretário. 

De acordo com a nota técnica da Sociedade Brasileira de Infectologia recebida pelo ClickPB, no dia 09 deste mês, a Organização Mundial de Saúde (OMS) emitiu um comunicado sobre uma nova subvariante do SARS-COV-2 cepa Ômicron denominada EG.5, considerada como variante de interesse (VOI). A EG.5, já identificada em 51 países, possui mutações que conferem maior capacidade de transmissão e de escape imune, tornando esta nova VOI capaz de aumentar o número de casos mundialmente e se tornar a cepa predominante, substituindo a XBB.1.16, atualmente predominante na maior parte dos países.

O comunicado diz ainda, que apesar destas características, a OMS classificou a EG.5 como de baixo risco para a saúde pública em nível global uma vez que não apresentou mudanças no padrão de gravidade de doença (hospitalização e óbitos) comparada à XBB.1.16 e outras VOIs.

Confira comunicado a nota técnica na íntegra

COMPARTILHE

Bombando em Paraíba

1

Paraíba

Braiscompany: promotor explica como clientes poderão recuperar dinheiro investido e acredita na condenação dos acusados

2

Paraíba

Com padre Reginaldo Manzotti, confira programação religiosa da Festa das Neves, em João Pessoa

3

Paraíba

PSOL de João Pessoa marca convenção do partido par afim do mês; data é a mesma de evento com o Rede Sustentabilidade

4

Paraíba

Empresa é condenada a pagar R$ 7 mil a idosa por cobrança de seguro não contratado, na Paraíba

5

Paraíba

Workshop “Recebendo em casa” com o Chef Adeilton Meira acontece neste sábado em João Pessoa