Tragédia

Policial militar paraibano é morto a tiros por PMs do Rio Grande do Norte após ser confundido com bandido

Ele foi confundido por três policiais à paisana, do estado do Rio Grande do Norte, que cumpriam um mandado de prisão na região

Policial militar paraibano é morto a tiros por PMs do Rio Grande do Norte após ser confundido com bandido

Testemunhas relataram que, durante a tentativa de abordagem, o policial fugiu imaginando que estava sendo assaltado. — Foto:Reprodução

Um policial militar morreu atingido por disparos de arma de fogo na tarde desta terça-feira (29), confundido com um suspeito que conduzia um veículo no distrito de Cachoeirinha, em Tacima, município do interior da Paraíba.

Cabo Edmo Tavares, lotado no 9º BPM (Batalhão de Polícia Militar) de Picuí, no interior da Paraíba, estava conduzindo um veículo carregado com cestas básicas quando foi atingido.

Ele foi confundido por três policiais à paisana, do estado do Rio Grande do Norte, que cumpriam um mandado de prisão na região. Testemunhas relataram que, durante a tentativa de abordagem, o policial fugiu imaginando que estava sendo assaltado.

Ele chegou a ser socorrido para o Hospital de Belém, na Paraíba, mas morreu a caminho do hospital.

A Polícia Científica foi acionada para realização da perícia e remoção do corpo para o NUMOL de Guarabira.

O caso está sob investigação pelas polícias da Paraíba e Rio Grande do Norte.

COMPARTILHE

Bombando em Notícias Policiais

1

Notícias Policiais

Polícia usa jet skis e prende cinco membros de facção criminosa, na Grande João Pessoa

2

Notícias Policiais

Mais de 100 paraibanos são investigados em golpe contra banco que movimentou quase R$ 200 mil

3

Notícias Policiais

Condenado por estupro, Robinho tem pedido negado pela Justiça para reduzir pena

4

Notícias Policiais

Homem morto em shopping de João Pessoa era líder de organização criminosa que movimentou mais de R$ 250 milhões

5

Notícias Policiais

Divulgado resultado dos candidatos aptos em todas as fases do concurso da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros da Paraíba