Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Pesquisa

56% reprovam gestão Bolsonaro na pandemia e 46% consideram o presidente o culpado pela crise sanitária, aponta Datafolha

Já a avaliação do Ministério da Saúde se manteve estável em relação ao último levantamento, com variações dentro da margem de erro.

Ao mesmo tempo que foi registrada uma piora na avaliação de Bolsonaro frente à pandemia, a dos governadores teve uma melhora. (Foto: Reprodução)

Por

Uma pesquisa do instituto Datafolha divulgada nesta sexta-feira (9) pelo site do jornal "Folha de S.Paulo" revela que 56% dos entrevistados avaliam como ruim ou péssimo o desempenho do presidente Jair Bolsonaro na gestão da crise provocada pelo novo coronavírus. Na pesquisa anterior, eram 51%.

Veja o resultado da avaliação da gestão do presidente frente à pandemia:

Ruim/péssimo: 56%
Regular: 21%
Bom/ótimo: 22%
Não sabe: 1%

Culpado da crise sanitária

O levantamento também quis saber quem é o principal culpado pela situação atual da crise sanitária. Bolsonaro é apontado como o responsável por 46% dos entrevistados (contra 39% da pesquisa anterior).

Veja o resultado para essa questão de quem é o culpado pela crise sanitária:

Presidente: 46%
Governadores: 18%
Prefeitos: 10%
Todos: 7%
Nenhum: 9%
Outros: 4%
Não sabe: 6%

Avaliação do Ministério da Saúde

Já a avaliação do Ministério da Saúde se manteve estável em relação ao último levantamento, com variações dentro da margem de erro. O percentual de ruim/péssimo foi de 32% para 31%.

Veja o resultado da avaliação do Ministério da Saúde:

Ruim/péssimo: 31%
Regular: 34%
Bom/ótimo: 34%
Não sabe: 1%

Compra de vacinas

O Datafolha também fez uma pergunta sobre o desempenho do ministério na compra de vacinas. Para 37%, o trabalho foi bom ou ótimo (ante 32% do levantamento anterior).

Veja o resultado da avaliação do desempenho na compra de vacinas:

Ruim/péssimo: 31%
Regular: 30%
Bom/ótimo: 37%
Não sabe: 2%
 
Ao mesmo tempo que foi registrada uma piora na avaliação de Bolsonaro frente à pandemia, a dos governadores teve uma melhora. O percentual dos que consideram o desempenho bom ou ótimo foi de 35% (em maio) a 40% (agora).

Veja o resultado da avaliação do desempenho do governador do estado do entrevistado frente à pandemia:

Ruim/péssimo: 27%
Regular: 32%
Bom/ótimo: 40%
Não sabe: 1%

A pesquisa ouviu 2.074 pessoas nos dias 7 e 8 de julho em 146 cidades brasileiras. Foram entrevistadas pessoas acima de 16 anos. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos, dentro do nível de confiança de 95%.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Presidente nacional do PSB diz que portas estão abertas para retorno de João Azevêdo ao partido e que nunca teve problema com o governador

Sandra Marrocos deixa o PT e retorna ao PSB assumindo presidência do diretório Municipal com missão de reestruturar partido

Justiça cassa diplomas de vereadores e suplentes do PV de São José de Piranhas por descumprir quota de gênero nas eleições

Ex-prefeita de Patos, Francisca Motta, e mais sete acusados são inocentados em denúncia de fraude na locação de veículos