Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Candidato

Bolinha sobre saúde em Campina Grande: 'Dinheiro tem, o que falta é competência na gestão dos recursos'

Bolinha citou os prejuízos do não funcionamento dos serviços e frisou a necessidade urgente de priorização da vida das pessoas.

Artur comentou ainda que o seu Plano de Governo tem como prioridade as ações na pastas, e que estas terão caráter de urgência. (Foto: Reprodução)

Por

Artur Bolinha, candidato à Prefeitura Municipal de Campina Grande pelo PSL, reforçou questões ligadas à saúde e comentou sobre lacunas na pasta que corroboram para a falta de assistência da população.

Bolinha citou os prejuízos do não  funcionamento dos serviços e frisou a necessidade urgente de priorização da vida das pessoas.

“O ser humano precisa ter acesso irrestrito aos serviços de saúde. Isso é básico. Não dá pra brincar com a vida das pessoas dessa forma. Tem gente esperando por um simples exame há quatro anos. Alguns pacientes chegam a óbito antes mesmo de ser atendido. Eu pergunto a quem quer que seja se isso é admissível”, enfatizou.

O prefeitável citou a irresponsabilidade do poder público em permitir esse tipo de situação e salientou a necessidade de uma gestão humanizada dos recursos públicos.

“Campina recebeu no ano passado um montante de R$ 300 milhões somente para investimento na saúde. Um valor extremamente alto se comparado a municípios como Caruaru (PE), que tem apenas 50 mil habitantes a menos e recebeu metade desse valor. O problema não é a falta de recursos, é a falta de uma gestão responsável e comprometida”, pontuou.

Artur comentou ainda que o seu Plano de Governo tem como prioridade as ações na pastas, e que estas terão caráter de urgência.

“A prioridade é investir recursos na atenção básica. Vamos modernizar o sistema de atendimento e fechar parcerias com clínicas da cidade para zerar as filas de espera para procedimentos no prazo máximo de seis meses. E vamos iniciar já no primeiro dia de gestão a obra do Hospital Geral de Campina Grande”, elencou.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Cícero Lucena pede que Luciano Cartaxo evite entregar gestão de João Pessoa com "casca de banana"

Prefeito eleito de João Pessoa revela que vai a Brasília na próxima semana apresentar projetos para garantir recursos para orçamento de 2021

Cícero Lucena diz que vai dialogar com gestores de escolas públicas, privadas e pais de alunos sobre aulas presenciais em João Pessoa

Construção, reformas de unidades de saúde, de educação e habitacionais estão entre as ações estratégicas previstas na LOA para 2021 em João Pessoa