Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Câmara

Com sete votos a favor, Berg Lima escapa de mais um pedido de cassação do mandato

O arquivamento da denúncia é referente ao pagamento adicional noturno a guardas municipais que trabalhavam durante o dia.

Berg Lima escapa de mais uma cassação (Foto: Secom Bayeux)

Por

O pedido de cassação do mandato do prefeito de Bayeux, Berg Lima foi negado durante sessão na Câmara do município, que aconteceu na noite desta quinta-feira (23). O arquivamento da denúncia é referente ao pagamento adicional noturno a guardas municipais que trabalhavam durante o dia.

A sessão durou 15h e o placar foi 10 votos pela cassação e 7 para o arquivamento da denúncia. 

Os sete vereadores que defendem a gestão de Berg mantiveram seus votos a favor do prefeito.

Além desse processo, Berg responde a mais processos referentes a cassação. Por compra de cones com dispensa de licitação e suspeita sobre o valor da aquisição, além de ser denunciado por suposto pagamento ilegal envolvendo a coleta de lixo. Esses dois pedidos de cassação devem entrar em pauta nos próximos dias.

Veja como os vereadores votaram:

A favor da cassação: 

  • Inaldo Andrade
  • Roni Alencar
  • Noquinha
  • Betinho da RS
  • Josauro Pereira
  • Netinho
  • Lico
  • Ze baixinho
  • Kita
  • Luciene de Fofinho

Contra a cassação

  • Adriano Martins
  • Cabo Ruben
  • Uedson orelha
  • Dedeta
  • França
  • Guedes
  • Adriano do táxi

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

CMJP: Tanilson Soares e Helena Holanda se afastam; Renato Martins e Edson Cruz assumem

Bolsonaro é alertado de que, se tentar flexibilizar isolamento ‘na canetada’, sofrerá revés na Justiça

Morre aos 78 anos o pai do deputado Cabo Gilberto Silva

Sem licitação, campanha publicitária 'Brasil Não Pode Parar' vai custar R$ 4,8 milhões