Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Depoimento

CPI da Covid ouve nesta quinta empresário suspeito de envolvimento no caso Covaxin

A Precisa atuou na negociação entre o laboratório indiano Bharat Biotech, fabricante da vacina Covaxin, e o Ministério da Saúde.

A Precisa atuou na negociação entre o laboratório indiano Bharat Biotech, fabricante da vacina Covaxin, e o Ministério da Saúde. (Foto: Reprodução)

Por

A CPI da Covid ouve nesta quinta-feira (23) o empresário Danilo Trento, suspeito de ter participado das negociações para a compra de testes e da vacina indiana Covaxin, cuja contratação foi intermediada pela Precisa Medicamentos.

A Precisa atuou na negociação entre o laboratório indiano Bharat Biotech, fabricante da vacina Covaxin, e o Ministério da Saúde. A empresa nunca divulgou detalhes do contrato, incluindo o valor que arrecadaria como representante brasileira na negociação.

O contrato de compra da Covaxin previa desembolso de R$ 1,6 bilhão para 20 milhões de doses, mas foi encerrado após uma série de denúncias de irregularidades, incluindo a constatação de fraude nos documentos enviados pela Precisa.

Danilo Trento obteve no Supremo Tribunal Federal (STF) o direito de não responder a perguntas que possam incriminá-lo.

Na decisão, o ministro Luís Roberto Barroso proibiu que sejam adotadas quaisquer medidas restritivas de direitos ou privativas de liberdade pelo direto ao silêncio do empresário.

'Envolvimento' com Maximiano
Autor do requerimento de convocação, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) diz que Danilo Trento é sócio da empresa Primarcial com sede em São Paulo e, no mesmo endereço da empresa Primares, cujo sócio é Francisco Maximiano.

"Recebemos também informações de que Danilo e Maximiano viajaram juntos à Índia para as negociações em torno dos testes de Covid e da vacina Covaxin", diz o vice-presidente da CPI no pedido de convocação.

Os senadores suspeitam que Trento seja uma espécie de sócio "informal" de Maximiano e tenha se beneficiado de negócios com suspeitas de irregularidades.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Em evento, João Dória destaca postura solidária de João Azevêdo e reforça que no palanque do PSDB cabem todos os partidos

Governador João Azevêdo é vacinado com terceira dose contra Covid-19

Veneziano e Aguinaldo Ribeiro se reuniram em gabinete no Senado para discutir chapa majoritária com governador em 2022

Auditor do TCE-PB denunciado na Operação Calvário é demitido do cargo