Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Decisão

Leto Viana renuncia ao cargo de prefeito de Cabedelo

Como Leto perde a prerrogativa de foro com a renúncia , o processo sai do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) e vai para a justiça de primeiro grau de Cabedelo.

O prefeito de Cabedelo, Leto Viana, renunciou ao cargo e o município deverá ter novas eleições (Foto: Divulgação)

Por

O prefeito de Cabedelo, Leto Viana, renunciou ao cargo nesta terça-feira (16). O advogado de defesa, Jovelino Delgado, foi à Câmara Municipal para que o pedido de renúncia de Wellington Viana França fosse protocolado.

Leto negou ser culpado das acusações que lhe atribuem no processo da Operação Xeque-Mate, da Polícia Federal. Ele foi preso no dia 3 de abril deste ano pela PF, na ação que investiga esquema de corrupção envolvendo prefeito, vice, vereadores e servidores.

O vice-prefeito Flávio Oliveira morreu no dia 15 de julho deste ano, vítima de insuficiência cardiorrespiratória. Ele havia sido apenas afastado do cargo enquanto era investigado.

Saiba mais

Vice-presidente diz que comissão deve se reunir o mais rápido possível para discutir renúncia de Leto Viana

Justiça Eleitoral de Cabedelo diz que eleição do município deve acontecer no final de janeiro

Geusa diz que renúncia de Leto será apresentada hoje em sessão e descarta ser candidata a prefeita

Com isso, a Justiça Eleitoral deve organizar as novas eleições de Cabedelo em até 90 dias. “O destino de Cabedelo está na mão da população novamente”, afirmou o advogado Jovelino Delgado.

Como Leto perde a prerrogativa de foro com a renúncia , o processo dele sai do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) e vai para a justiça de primeiro grau de Cabedelo.

Leto Viana está preso no 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) por ter curso superior. Entre as investigações que pesam contra o prefeito que renunciou está a de compra do mandato do eleito em 2012, Luceninha, por R$ 5 milhões.

Veja na íntegra o documento de renúncia do prefeito de Cabedelo, Leto Viana


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Grupo de Bivar acusa Planalto de traição e prepara nova lista para liderança do PSL

Alcolumbre ocupará Presidência da República durante viagens de Bolsonaro, Mourão e Maia

Delegado Waldir reconhece derrota e entrega liderança do PSL a Eduardo Bolsonaro

Movimentos de direita na Paraíba publicam nota de apoio ao presidente e criticam Julian Lemos