Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Nesta quinta

Relator de ação contra Ricardo Coutinho no TSE pede inelegibilidade do ex-governador por oito anos

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julga nesta quinta-feira (27) mais uma Aije contra o ex-governador.

Relator votou pela inelegibilidade de Ricardo Coutinho por oito anos (Foto: Reprodução)

Por

O relator da Ação de Investigação da Justiça Eleitoral (Aije) movida pela Coligação ''A Vontade do Povo'' contra o ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho, Og Fernandes, pediu a inelegibilidade de Ricardo por oito anos, contados a partir da eleição de 2014.

Também foi admitida pelo relator a inelegibilidade, pelo mesmo período, de Renato Costa Feliciano, Antônio Eduardo Balbino e Tárcio Rodrigues.

A ação aponta abuso de poder no uso do Programa Empreender com objetivos eleitoreiros na campanha para reeleição de Ricardo Coutinho em 2014. A vice-governadora Lígia Feliciano, que também foi citada na ação, foi inocentada porque não possuía cargo público na época, não tendo meios portanto, para interferir no pleito.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Ex-senador Ivandro Cunha Lima fratura o fêmur durante acidente em casa e passa por cirurgia em Campina Grande

Candidatos à Prefeitura de João Pessoa já receberam doações de mais de R$ 6,7 milhões; Ruy, Edilma e João lideram com mais de R$ 1 milhão

João Azevêdo diz que Bolsonaro tomou "decisão impensada" ao cancelar compra da CoronaVac: "vacina não é de direita ou de esquerda"

Anísio Maia promete democratizar saúde, dobrar salários de professores e garante presença de Lula no seu guia