Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Política

Política - Últimas Notícias do Mundo Político | ClickPB ir para editoria →

Cristiane Brasil

'Somos perseguidos políticos', diz filha de Roberto Jefferson

A ex-deputada reclamou que a PF foi à casa da ex-mulher de Jefferson, mesmo separados há 20 anos.

A ex-deputada reclamou que a PF foi à casa da ex-mulher de Jefferson, mesmo separados há 20 anos. (Foto: Reprodução)

Por

A ex-deputada Cristiane Brasil, filha de Roberto Jefferson, afirmou que o pai e sua família são perseguidos políticos, após o ministro Alexandre de Moraes determinar a prisão de Jefferson nesta sexta-feira. Segundo ela, o pai não está bem de saúde.

A ex-deputada reclamou que a PF foi à casa da ex-mulher de Jefferson, mesmo separados há 20 anos.

“Mais uma vez a PF tirou minha mãe da cama, às 6h da manhã, que tem 70 anos, dificuldade de locomoção, batendo na casa errada. Ela é meu pai já estão separados há 20 anos. Somos perseguidos políticos – a família inteira, é isso? E meu pai, pelo que sei, não está bem de saúde. Daqui a pouco o Alexandre vai mandar prender os filhos também?”, disse Cristiane à coluna.

Na manhã desta sexta, Alexandre de Moraes determinou a prisão preventiva e o cumprimento de busca e apreensão contra Jefferson, dentro do inquérito para apurar milícias digitais.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

STF racha sobre investida contra procuradores e teme impacto no Judiciário

Em evento, João Dória destaca postura solidária de João Azevêdo e reforça que no palanque do PSDB cabem todos os partidos

Governador João Azevêdo é vacinado com terceira dose contra Covid-19

Veneziano e Aguinaldo Ribeiro se reuniram em gabinete no Senado para discutir chapa majoritária com governador em 2022