Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Saúde

Editoria sobre Saúde ir para editoria →

Plano

Hospital das Clínicas de Campina Grande ainda pode ativar mais 43 leitos para covid-19 se houver demanda

Dos 113 leitos do hospital, 70 estão ativos, mas os outros podem ser ativados conforme a necessidade.

hospital das Clínicas está com 50% dos leitos ocupados neste sábado (26) (Foto: Reprodução)

Por

O Hospital das Clínicas de Campina Grande ainda possui 43 leitos desativados que podem ser colocados em funcionamento caso haja demanda em função da pandemia de covid-19. É o que afirma o diretor técnico do hospital Jhony Bezerra.

Segundo ele, o hospital dispõe de 113 leitos, sendo que 70 deles estão ativos atualmente, sendo 30 de UTI e 40 de Enfermaria. Os 43 leitos restantes podem ser ativados se for necessário, conforme plano da Secretária de Saúde da Paraíba.

De acordo com boletim divulgado neste sábado (26) pelo hospital, no momento 50% dos leitos do Hospital das Clínicas estão ocupados, sendo 22 pacientes na UTI e 13 na Enfermaria. Dessa forma, a ocupação de leitos de UTI está em 73,33%, enquanto a ocupação da Enfermaria está em 32,50%.

Jhony Bezerra afirmou que, por enquanto, não há necessidade de ativar mais leitos, mas lembrou que a previsão é que o número de casos de covid-19 atinja seu pico em janeiro, por causa das aglomerações causadas pelas festividades de fim de ano.


Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Prefeitura de João Pessoa começa a vacinar idosos a partir de 84 anos na próxima segunda-feira

Com 1.582 mortes por Covid-19 em 24 h, Brasil bate recorde de óbitos na pandemia

Paraíba registra 1.594 casos de Covid-19 e 14 óbitos nas últimas 24h; total de mortos chega a 4.433 e 217.121 infectados

Quem tomou a vacina ainda pode transmitir o coronavírus e deve continuar usando máscara