Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Saúde

Editoria sobre Saúde ir para editoria →

Caso raro

Mulher acorda do coma 27 anos após acidente de carro nos Emirados Árabes

Munira foi internada e entrou em coma, mas só recobrou a consciência em 2018, em um hospital alemão para onde foi transferida

“Eu nunca desisti dela porque sempre tive a sensação de que um dia ela acordaria”, disse Omar ao jornal The National, dos Emirados Árabes (Foto: Reprodução)

Por

Uma mulher dos Emirados Árabes acordou do coma após 27 anos, segundo o filho dela contou na última terça-feira (23). Em 1991, Munira Abdulla, então com 31 anos, ficou gravemente ferida em um acidente de carro, com um ônibus envolvido, e sofreu lesões cerebrais. Em 2018, ela saiu do coma. As informações são da BBC.

Omar Webair, filho de Munira, tinha quatro anos e estava no banco de trás do veículo, mas não se feriu. Ele conta que a mãe o abraçou e o protegeu no momento do acidente, fazendo com que ele sofresse apenas um pequeno ferimento na cabeça. Munira foi internada e entrou em coma, mas só recobrou a consciência em 2018, em um hospital alemão para onde foi transferida.

“Eu nunca desisti dela porque sempre tive a sensação de que um dia ela acordaria”, disse Omar ao jornal The National, dos Emirados Árabes. “O meu motivo para compartilhar a história dela é dizer para as pessoas não perderem a esperança. Não consideram que a pessoa que você ama está morta se ela se encontrar nesse estado”, completou.

De acordo com especialistas, são poucos casos de pessoas que conseguem recobrar a consciência após muitos anos em coma e, quando isso acontece, a recuperação é muito lenta. Um caso famoso é o do ex-piloto Michael Schumacher, que sofreu um acidente de esqui em 2013, foi colocado em coma induzido, mas não recobrou a consciência, mesmo transferido para casa, onde continua o tratamento.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

UPA de Bayeux deve comprar lençóis e outros itens e aumentar escala médica em até 10 dias, diz MPPB

Queimaduras com fogos e fogueiras são um terço de atendimentos e Hospitais de Trauma da PB lançam campanhas

Paraíba notifica 404 casos de esporotricose em humanos e doença é considerada epidemia

Anvisa proíbe aditivos com alumínio em pães, biscoitos e outros alimentos