Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Saúde

Editoria sobre Saúde ir para editoria →

Pesquisa

Paraíba termina mês de junho com redução na taxa de contágio da covid-19, que é sétima menor do país

Para o cálculo, os pesquisadores consideram o Rt, que mede a taxa de retransmissão do vírus.

Taxa de contágio da covid-19 está caindo no estado (Foto: Reprodução)

Por

A Paraíba conseguiu baixar a taxa de contágio da covid-19 de 1,58 no dia 31 de maio, para 1 no dia 30 de junho. Os números fazem parte dos dados produzidos pelo projeto Covid-19 Analytics, feito em parceria pela PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) e a FGV (Fundação Getúlio Vargas). 

Para o cálculo, os pesquisadores consideram o Rt, que mede a taxa de retransmissão do vírus. Quando ela está abaixo de 1, significa que a média de pessoas contaminadas por um infectado está abaixo de uma, o que indica uma redução no ritmo da epidemia.

Ao todo, seis estados estão com taxa inferior a um: Acre, Amapá, Amazonas, Ceará, Maranhão e Pará. A taxa em 1, portanto, coloca a Paraíba em sétimo lugar no ranking de estados com menor transmissibilidade da doença.

A pesquisa apontou que seis estados tiveram alta de taxa entre 31 de maio e 30 de junho: Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Roraima, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A maior taxa do país, segundo o cálculo, é 1,92 em Roraima. A menor taxa do Brasil, de 0,8, estava no Maranhão, que —coincidência ou não— foi o primeiro a ter um lockdown, ainda no começo de maio. O estado tem taxa inferior a 1 há 20 dias. 

Amazonas e Acre também estão com taxas abaixo de 1 há mais de 20 dias —28 e 25 dias, respectivamente—, mas os índices são maiores que o do Maranhão: 0,95 (AM) e 0,96 (AC).

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Presidente da Unimed João Pessoa afirma que hospital está atendendo 25% mais casos de síndrome gripal do que no pico da pandemia em maio

Pazuello diz que são no máximo três as opções de vacina contra a Covid para Brasil

Hospital da Unimed João Pessoa recebe Selo Ouro em sustentabilidade pelo terceiro ano consecutivo

Testes rápidos não são tão eficazes para detectar coronavírus em crianças, apontam estudos preliminares