Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Saúde

Editoria sobre Saúde ir para editoria →

Nesta terça

Secretário de Saúde Geraldo Medeiros considera precipitado comemorar vacina anunciada pela Rússia

Muitos cientistas, tanto na Rússia quanto em outros países, questionaram a decisão de registrar a vacina antes que seja completada a chamada Fase 3 do estudo.

Secretário acredita que é necessário saber mais sobre a segurança da vacina (Foto: Walla Santos/ClickPB)

Por

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, acredita que ainda é cedo para comemorar o anúncio de que a Rússia registrou uma vacina contra o novo coronavírus nesta terça-feira (11).

''Qualquer manifestação agora seria precipitada desde que não se conhece como foram efetivadas as fases experimentais e a segurança da mesma'', comentou o secretário.

Muitos cientistas, tanto na Rússia quanto em outros países, questionaram a decisão de registrar a vacina antes que seja completada a chamada Fase 3 do estudo - que, por norma, demora vários meses, envolve milhares de pessoas e é a única forma de provar que a vacina experimental é segura e funciona.

Nas últimas semanas, muitos cientistas expressaram preocupação com a velocidade em que estava sendo desenvolvida a vacina. A Organização Mundial da Saúde pediu "diretrizes claras" para o tratamento e o cumprimento dos protocolos e dos regulamentos em vigor. 

Apesar disso, o Governo do Paraná anunciou que vai assinar nesta quarta-feira (12) um convênio com a estatal russa para produzir a vacina Sputnik V. O acordo prevê que o Paraná poderá fazer testes, produzir e distribuir a vacina. Ainda não foi informado sobre data para início da ação justamente porque depende da liberação da Anvisa.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

João Pessoa e mais nove capitais brasileiras apresentam sinais de crescimento de covid-19, segundo Fiocruz

Sem atingir meta, Paraíba prorroga a Campanha de Multivacinação e de Vacinação contra a Poliomielite

Paraíba registrou 499 novos casos de Covid-19 em 24h; total de mortos chega a 3.091 e 132.730 infectados

Anvisa recebe pedido de avaliação preliminar de documentos da vacina russa Sputnik V