Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Tecnologia

Editoria sobre Tecnologia ir para editoria →

Internet

Instagram anuncia fim do 'arrasta para cima' nos Stories

Usuários ainda vão poder anexar links, com a diferença que, a partir do dia 30 de agosto, isso será feito através de figurinhas.

A partir do dia 30 de agosto, "arrasta para cima" dos Stories será substituído por figurinhas. (Foto: Reuters)

Por

O Instagram anunciou na segunda-feira (23) o fim da função "arrasta para cima" nos Stories, voltada apenas para contas verificadas e com mais de 10 mil seguidores.

Mas os usuários ainda vão poder anexar links aos Stories. A diferença é que, a partir do dia 30 de agosto, isso passará ser feito em figurinhas. Ao clicar no adesivo, o usuário será redirecionado para a página da web anexada à imagem.

A função já vinha sendo testada há alguns meses pela rede social e a principal mudança visual é a possibilidade de adicionar a figurinha em qualquer lugar da tela.

"A 'figurinha de link' funciona assim como as outras, ou seja, oferecendo mais opções criativas às pessoas, incluindo a possibilidade de alternar para estilos diferentes, ser redimensionado e colocado em qualquer lugar do Stories", disse o Instagram, em nota.

Uma outra mudança é que os usuários vão poder receber reações e respostas rápidas com o adesivo. Antes, não era possível responder a um Stories com o link de “deslizar para cima”.

Por outro lado, a opção de anexar link continua restrita a contas verificadas e com mais de 10 mil seguidores.

"Estamos avaliando se o acesso ao link será expandido para mais contas no futuro, levando em conta aspectos como integridade e segurança e como isso poderia impactar na disseminação de desinformação e spam. Esta transição entre o link 'deslizar para cima' e a figurinha nos ajudará a determinar se é a decisão certa antes de expandir o acesso a mais pessoas", afirmou a rede social.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Nasa descobre evidências de primeiro planeta fora da Via Láctea

Positivo faz parceria com chinesa para lançar celular de R$ 1,5 mil e ocupar lugar da LG no mercado

Google cobra taxas de publicidade até quatro vezes acima da concorrência, diz jornal

Preço de painéis solares deve seguir em alta até 2022, dizem fornecedores