Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Tecnologia

Editoria sobre Tecnologia ir para editoria →

Tecnologia

Nokia volta a vender smartphone no Brasil e lança modelo 2.3 por R$ 899

Aparelho vem com sistema operacional Android One, feito pelo Google sem alteração das fabricantes.

O aparelho conta ainda com a possibilidade de atualização para o novo Android 10, lançado em 2019. (Foto: Reprodução)

Por

Os celulares da Nokia voltam a ser vendidos no Brasil a partir desde domingo (3). O modelo 2.3 chega ao país comercializado pela HMD Global Oy, representante dos smartphones da marca desde 2016.

O Nokia 2.3 é um aparelho de entrada, mas ainda com boas especificações e preço abaixo de lançamentos recentes. Ele chega no Brasil por R$ 899 e passa a ser vendido em varejistas parceiros da HMD no país.

Veja algumas especificações do modelo:

  • Tela HD+ de 6,2 polegadas (720x1520 pixels);
  • 2GB de memória RAM;
  • 32GB de armazenamento interno (expansível em até 512GB)
  • Câmera traseira de 13 megapixels e frontal de 2 megapixels
  • Processador quad-core Helio A22, da MediaTek

O aparelho conta ainda com a possibilidade de atualização para o novo Android 10, lançado em 2019. A versão do sistema operacional no aparelho é Android One, modelo feito em parceria com o Google que garante mais tempo de atualização e menos customizações das fabricantes. Até então, apenas a Motorola havia lançado aparelhos Android One no Brasil.

“Produto virá com Android 9, mas será atualizado para Android 10 e também para a versão que vier depois. O aparelho vai ficar cada vez melhor e ninguém da concorrência terá tantas atualizações do sistema operacional nessa faixa de preço” afirmou Juan Olano, diretor de portfólio da HMD Global para as Américas.

Além do sistema operacional, o modelo vem também com a promessa de uma bateria que dura até dois dias, incluindo gestão de energia com inteligência artificial, que promete interpretar as necessidades do usuário.

A câmera também promete recursos inteligentes, melhorando o processamento das imagens. O modo retrato, aquele que desfoca o fundo e dá um aspecto mais profissional às imagens, está disponível graças à câmera traseira dupla.

O Nokia 2.3 está disponível nas cores verde, dourado e cinza.

Escolha do modelo para o Brasil

De acordo com Junior Favaro, diretor de vendas e marketing da HMD Global para o Brasil, a escolha pelo 2.3 é porque essa faixa de preço representa um mercado de 22 milhões de aparelhos o Brasil e que teve um crescimento de 32% no ano passado. “Achamos a estratégia interessante de trazer o primeiro produto nessa faixa de preço”, explica.

Segundo os executivos, a empresa deve expandir o portfólio no futuro e trazer outros modelos da Nokia para o Brasil.

A Nokia já operou no Brasil vendendo celulares e smartphones com sistemas operacionais Windows, Symbian e Meego. Atualmente, a marca é representada pela HMD, que assinou um acordo de licenciamento em 2016.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal ClickPB não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.

Destaque

ir para editoria →

Twitter diz que irá analisar algoritmo de prévia de imagens após queixas de racismo por usuários

Neurônios cansados podem provocar distorção na percepção do tempo

Trump diz que daria 'bênção' a negócio entre Oracle e TikTok; governo fala em adiar bloqueio ao app

Lei Geral de Proteção de Dados: o que muda para os cidadãos? Veja perguntas e respostas