Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Televisão

Editoria sobre Televisão ir para editoria →

Comentário

Sonia Abrão relembra experiência sobrenatural com Chorão, seu primo

Ao comentar sobre a aparição de Madeleine (Karine Teles) para Zé Leôncio (Marcos Palmeira) em "Pantanal" (Globo), ela afirmou que já viveu uma situação semelhante.

Ela afirmou que uma delas inclusive foi com o cantor Chorão, ex-vocalista do Charlie Brown Jr., que faleceu no ano de 2013. (Foto: Reprodução)

Por

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A apresentadora Sonia Abrão, 58, lembrou experiências sobrenaturais que já vivenciou e as contou durante a edição desta terça (25) do programa A Tarde É Sua (RedeTV!). Ao comentar sobre a aparição de Madeleine (Karine Teles) para Zé Leôncio (Marcos Palmeira) em "Pantanal" (Globo), ela afirmou que já viveu uma situação semelhante.

Ela afirmou que uma delas inclusive foi com o cantor Chorão, ex-vocalista do Charlie Brown Jr., que faleceu no ano de 2013. A apresentadora era prima do músico, e contou que a experiência aconteceu poucas horas antes da morte do artista.

"Eu tenho uma estante grande no quarto, e meu filho tem mania de pendurar aquele boné do 'Família 013', do Chorão, do Charlie Brown Jr. Ele pendurava na quina da estante. Eu estava quieta, lendo, e de repente, o boné se desprendeu da estante, foi caindo no chão. Não é que ele se desprendeu e caiu: a sensação que eu tive é que ele estava descendo em câmera lenta", contou.

"Depois, nesse dia, de madrugada, toca o telefone e meu primo Chorão tinha morrido. Para mim, ficou muito evidente que ele passou por ali e, de alguma maneira, ele estava avisando [sobre a própria morte], não só a mim, como a toda família", continuou.

A apresentadora também relatou outra experiência que teve com uma amiga próxima, que também faleceu. "Eu estava no meu quarto, na minha cama, e de repente ela estava do meu lado. Ela tocou em mim, estava chorando e dizia assim: 'por favor, Sonia, me fala se eu estou viva ou estou morta. Eu não consigo saber'", contou ela, que ainda afirmou que a aparição não foi um sonho.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Jô Soares morre em São Paulo aos 84 anos

Bolsonaro é sorteado para ser o primeiro entrevistado do Jornal Nacional, da TV Globo

Mar do Sertão: nova novela da Globo terá paraibana no papel principal

Ana Maria Braga demite responsável por exibir imagem de macacos em caso de racismo