Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Mundo

Editoria sobre Mundo ir para editoria →

EUA

Jornalista bilionário afirma que não pretende deixar herança para filho

O comunicador tem uma fortuna estimada em US$ 200 milhões, o que equivale a mais de R$ 1 bilhão.

A declaração foi feita em entrevista ao podcast Morning Meeting, e o jornalista afirmou que não acredita "em passar adiante quantidades enormes de dinheiro". (Foto: Reprodução)

Por

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) — O jornalista e apresentador norte-americano Anderson Cooper, 54, que trabalha como âncora na CNN, afirmou recentemente que não deixará herança alguma para seu filho, Wyatt, de um ano. O comunicador tem uma fortuna estimada em US$ 200 milhões, o que equivale a mais de R$ 1 bilhão.

A declaração foi feita em entrevista ao podcast Morning Meeting, e o jornalista afirmou que não acredita "em passar adiante quantidades enormes de dinheiro". "Não pretendo ter algum tipo de 'pote de ouro' para o meu filho", continuou.

Cooper afirmou que apoiará seu filho, oferecendo recursos e pagando por sua educação. "Vou fazer como os meus pais diziam: 'A faculdade será paga, e então você se vira'", completou. O jornalista pontuou que isso será apenas uma reprodução de sua vivência.

Ele, membro da família de magnatas Vanderbilt, afirmou que recebeu "apenas" US$ 1,5 milhão, cerca de R$ 8 milhões, do espólio de sua mãe, a artista, estilista e socialite Gloria Vanderbilt, que faleceu no ano de 2019.

"Minha mãe deixou claro para mim que não havia fundo fiduciário, não havia nada disso. Não acredito em herdar dinheiro. Eu acho que é uma maldição", explicou o apresentador. O filho do jornalista nasceu em abril de 2020.

"Como um garoto gay, nunca pensei que seria possível ter um filho e sou grato por todos aqueles que abriram o caminho, e pelos médicos, enfermeiras e todos os envolvidos no nascimento do meu filho", escreveu ele em seu Instagram, na época.

"Acima de tudo, sou grato a uma barriga de aluguel notável que carregou Wyatt, a acompanhei com carinho e ternura e estava lá quando ela deu à luz", completou o jornalista. Cooper assumiu ser gay em 2012, em uma carta aberta para o blogueiro Andrew Sullivan.

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Rainha Elizabeth II passa a noite em hospital em Londres

Foca é resgatada após nadar por duas semanas com lata presa na boca

Aquecimento global desperta vulcões na Islândia e pode afetar clima europeu

Talibã decapita jogadora de vôlei e publica imagens na web