Eleições

Tibério diz que PSB ainda avalia aliança com Nilvan ou grupo de Panta em Santa Rita e revela que governador dará “palavra final”

O membro do diretório estadual do PSB considerou que foram levadas "em consideração as questões locais e os arranjos que já estavam postos."

Tibério

Foto: Walla Santos/ClickPB/Arquivo

O presidente do PSB em João Pessoa e membro do diretório estadual do partido, Tibério Limeira, disse que a legenda ainda avalia se fará aliança com o radialista Nilvan Ferreira ou com o grupo do atual prefeito Emerson Panta em Santa Rita, na Grande João Pessoa. Tibério, que também é secretário de Estado da Administração, ainda relatou em entrevista do programa Arapuan Verdade, nesta terça-feira (9), que o governador João Azevêdo dará a palavra final.

Antes de mencionar Santa Rita, Tibério mencionou a situação de João Pessoa como exemplo de que o PSB optou por outros arranjos eleitorais diferentes da candidatura própria.

“Existe uma realidade que estava posta. Por exemplo, em João Pessoa, houve uma defesa firme, desde 2023, pela manutenção da aliança com o prefeito Cícero Lucena. Então não tinha como o PSB lançar candidato em João Pessoa se o partido seguiu a posição defendida pelo governador, que é a manutenção dessa aliança. Assim também acontece em cidades como Santa Rita, que a gente não tinha uma candidatura majoritária definida e o PSB focou em montar uma chapa proporcional, deixando a definição para a majoritária para mais a frente”, explicou Tibério à Arapuan FM, conforme acompanhou o ClickPB.

O membro do diretório estadual do PSB considerou que foram levadas “em consideração as questões locais e os arranjos que já estavam postos.”

Tibério explicou mais da situação do PSB em Santa Rita. “O PSB não decidiu, ainda, nenhuma posição com relação a Santa Rita. Nós vamos dialogar com essa chapa [proporcional] que foi montada, dialogar com a nova direção municipal e o governador, até por se tratar do terceiro maior colégio eleitoral, vai dar a palavra final sobre essa questão.”

Tibério Limeira acrescentou que o PSB “precisa valorizar os aliados”.

“E outra coisa que é importante destacar é de que o PSB precisa, naturalmente, valorizar os aliados, os partidos que compõem a aliança, afinal de contas a gente não governa o estado sozinho e o governador não se reelegeu apenas com o apoio e a militância do PSB. Existe uma ampla aliança em torno do governador e, naturalmente, nós estaremos participando da chapa majoritária em 2026, então o PSB precisa prestigiar os partidos aliados. Então, em algumas cidades, o PSB abre mão de lançar candidato na cabeça de chapa para apoiar partidos que fazem parte do nosso leque de alianças”, destacou.

Confira também

 

 

COMPARTILHE

Bombando em Política

1

Política

Juiz manda Ruy Carneiro retirar postagem contra Cícero Lucena no Instagram e ameaça com multa de R$ 10 mil por dia

2

Política

Nilvan Ferreira vai anunciar apoio a Cícero Lucena em João Pessoa; veja data

3

Política

Nilvan Ferreira comemora adesão de Pedrito e diz que potencializa perspectiva de vitória

4

Política

“Pronto para receber de braços abertos”, diz Nilvan sobre aliança com o PSB; partido deve indicar vice

5

Política

Cartaxo diz que escolha de Amanda Rodrigues como pré-candidata a vice traz fortalecimento das mulheres na gestão pública