Melhora

Faustão está ‘muito disposto’ e evolui bem, diz boletim médico

Apresentador passou por transplante de coração no último domingo

Faustão está 'muito disposto' e evolui bem, diz boletim médico

No dia 20, um boletim médico do Hospital Albert Einstein explicava que Faustão estava “sob cuidados intensivos — Foto:Reprodução

O apresentador Fausto Silva está “muito disposto” e segue evoluindo bem, de acordo com boletim médico do Hospital Albert Einstein divulgado na noite desta quarta-feira. Faustão passou por um transplante de coração no último domingo.

    Segundo a equipe de médicos, ele se comunica normalmente e já começou a fazer fisioterapia. “A função cardíaca está normalizada e estável e, hoje, foram retirados o dreno e alguns cateteres”, contam.

    Leia a íntegra do boletim médico:

    “O paciente Fausto Silva continua evoluindo dentro do esperado. Está se comunicando normalmente e se mostra muito disposto, após 72 horas desde a realização do transplante de coração, ocorrida no último domingo, no Hospital Israelita Albert Einstein.

    A função cardíaca está normalizada e estável e, hoje, foram retirados o dreno e alguns cateteres, além de o paciente ter iniciado a fisioterapia.

    Dr. Fernando Bacal, cardiologista do Hospital Israelita Albert Einstein

    Dr. Fábio Antônio Gaiotto, cirurgião cardiovascular do Hospital Israelita Albert Einstein

    Dr. Miguel Cendoroglo Neto, Diretor Médico e Serviços Hospitalares do Hospital Israelita Albert Einstein”

    ‘Sair andando’

    Em entrevista ao GLOBO nesta quarta-feira, o cardiologista Fernando Bacal contou que Fausto Silva responde bem ao pós-operatório e não vê a hora de sair andando pelo quarto.

    — Ele está bem, evoluindo dentro do esperado, com o coração funcionando bem, consciente. Já quer sair andando — disse Bacal.

    A disposição é um bom sinal, mas a recuperação leva tempo. A primeira semana pós-transplante é a mais delicada, na qual os médicos observam, principalmente, sinais de eventual rejeição ao novo coração.

    — Precisamos aguardar, mas o pós-operatório está indo bem e esperamos que em breve ele esteja bem para sair — diz Bacal.

    Normalmente, pacientes transplantados ainda aguardam cerca de um mês entre hospital e cuidados pós-operatórios. Faustão foi submetido à cirurgia de transplante no domingo, devido ao agravamento de um quadro de insuficiência cardíaca.

    O apresentador permanece na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas já respira sem a ajuda de aparelhos. Ele foi extubado na terça-feira pela manhã.

    Embora, no geral, o paciente seja inserido na ordem cronológica, ou seja, pela data da indicação para o recebimento do novo órgão, fatores como a gravidade do caso tornam o caso “prioridade”, o que faz com que o indivíduo vá para o início da fila.

    No dia 20, um boletim médico do Hospital Albert Einstein explicava que Faustão estava “sob cuidados intensivos (…) em diálise e necessitando de medicamentos para ajudar na força de bombeamento do coração”, uma situação grave devido à piora da insuficiência cardíaca.

    COMPARTILHE

    Bombando em Brasil

    1

    Brasil

    Grandes bancos enfrentam instabilidade após ‘apagão global’; saiba quais

    2

    Brasil

    Apagão global: aeroportos do Brasil não enfrentam problemas, diz ministro

    3

    Brasil

    CNJ afasta desembargador que disse que ‘mulheres estão loucas atrás dos homens’

    4

    Brasil

    Homem desaparecido há mais de 30 anos é achado e reencontra família no Nordeste

    5

    Brasil

    Meninas são maioria: uma pessoa é estuprada a cada 6 minutos no Brasil