Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Aumento

Maioria dos infectados por HIV estão em João Pessoa e Campina Grande

Cerca de cinco cidades concentram 65% das pessoas com a doença.​

Neste ano, João Pessoa registrou 86 casos, Campina Grande 27, Patos 9, Bayeux 8 e Mamanguape 7. (Foto: Reprodução)

Por

A maioria dos infectados de HIV estão em João Pessoa e Campina Grande. É o que aponta o boletim epidemiológico da Gerência Operacional das IST/HIV/Aids/Hepatites Virais da Secretaria de Estado da Saúde (SES). Neste ano, João Pessoa registrou 86 casos, Campina Grande 27, Patos 9, Bayeux 8 e Mamanguape 7. Essas cidades concentram 65% das pessoas com a doença.

Os casos de Aids e HIV aumentaram entre pessoas de 20 a 49 anos em 2019, no entanto em geral houve redução de 39% nos casos de HIV/Aids na Paraíba. No mesmo período de 2018, foram registrados 342 casos de HIV/Aids, sendo registrada uma diminuição de 39%.

Foram registrados 56 óbitos, em pessoas de 30 a 59 anos. O diagnóstico tardio ainda é um importante fator de manutenção dos números de mortalidade. Sendo uma grande tendência no sexo masculino, que ainda é um grupo de difícil adesão aos antirretrovirais.

Paraíba tem queda de 39% nos casos de HIV/Aids e maioria dos infectados está em JP e Campina Grande

Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Morre radialista Beneval Andrade Rosas aos 70 anos

Banhistas devem evitar seis praias do litoral paraibano neste final de semana

MPF obtém liminar para encerrar lixão em comunidades quilombolas no Sertão paraibano

Abaixo-assinado pelo fim da prática de vaquejada em Cuité consegue mais de 30 mil assinaturas