Novidade que vem por aí

A Rede Click vai trazer muitas novidades. Você vai poder enviar notícias através do VCnoClick, anunciar gratuitamente seus produtos e serviços no Click Classificados e concorrer a prêmios com o Click Vantagens.

Deixe seu contato e seja um dos primeiros a ser avisado quando a Rede Click entrar no ar!

Por favor insira um e-mail válido
Contato registrado com sucesso!

Paraíba

Editoria sobre Paraíba ir para editoria →

Investigação

Mãe e companheiro são os principais suspeitos da morte de bebê e mulher é encaminhada para Presídio Julia Maranhão

Ela e o companheiro são os principais suspeitos da prática de tortura que levou a morte do bebê, na última quinta-feira (31), no Hospital de Trauma.

Em conversa ao ClickPB, o delegado responsável, Rodolfo Santa Cruz, da Delegacia de Homicídios, explicou que ela foi encaminhada para o Presídio Júlia Maranhão. (Foto: reprodução)

Por

A mulher, suspeita de matar um bebe de 1 ano foi presa, na tarde desta sexta-feira (1), preventivamente. Em conversa ao ClickPB, o delegado responsável, Rodolfo Santa Cruz, da Delegacia de Homicídios, explicou que ela foi encaminhada para o Presídio Júlia Maranhão. 

"Ela foi indiciada pelo crime de tortura com resultado de morte contra criança, mas podem surgir outros indiciamentos. Isso só será confirmado ao final do inquérito. Outro crime que ela pode responder, ao final das investigações, seria de abandono de incapaz. O inquérito tem uma estimativa de 10 dias para ser concluído" explicou ao ClickPB

Ela e o companheiro são os principais suspeitos da prática de tortura que levou a morte do bebê, na última quinta-feira (31), no Hospital de Trauma. 

Segundo o conselheiro tutelar Ricardson Dias, ela deve perder a guarda dos irmãos da vítima, dois meninos, um de quatro anos e outro de quatro meses. Também será feito um pedido para a suspensão temporária do poder familiar da mãe.

Saiba mais:

Após bebê espancado morrer no Hospital de Trauma, mãe é ouvida na Central de Polícia em João Pessoa

Sepultamento de bebê morto com sinais de agressão acontece nesta sexta-feira em João Pessoa

Médico revela que bebê deu entrada no Trauma de João Pessoa com sinais de agressão e de morte encefálica


 



Compartilhe:

Comentários (0)

Comentar

Destaque

ir para editoria →

Show de Mari Fernanandez atinge lotação máxima e fecha portões do Parque no Povo

Cavalo de Pau, Gui Matos e outras atrações se apresentam neste sábado no São João de Bananeiras

​Governo do Estado cria PCCR da Polícia Civil da Paraíba

Jacarés aparecem em lago em Itapororoca e preocupam moradores após invadirem casas; Vídeo mostra animal tentar atacar cachorro