UFC

Shevchenko diz que sabe tudo sobre Jéssica Bate-Estaca e promete levar o caos ao octógono

Campeã peso-mosca defenderá seu título neste sábado contra a brasileira e esbanjou confiança para o duelo.

Por

Valentina Shevchenko colocará seu cinturão do peso-mosca em jogo neste sábado, contra Jéssica Bate-Estaca, em uma das principais lutas do UFC 261, que será realizado em Jacksonville.

Após fazer toda sua preparação para a luta em Las Vegas, a campeã contou ao Combate que chegou com antecedência à Flórida para se ambientar e estar 100% preparada no duelo contra a brasileira.

- Eu estou aqui na Flórida há cerca de duas semanas. Nós decidimos vir mais cedo para nos aclimatizar, ter um bom treinamento. Treinei com boas pessoas por aqui, ótimos parceiros de treinos e estou pronta para a luta. A maior parte do meu camp foi em Las Vegas, mas faltando umas duas semanas nós viemos aqui para a Flórida.

Apesar de se concentrar em um local para fazer seu camp, Shevchenko costuma viajar bastante para treinar em outros lugares. Segundo ela, desta forma muitas armas podem ser adicionadas ao seu jogo.

- Eu acho ótimo viajar para treinar em lugares diferentes, assim tenho sparrings diferentes e é bom porque todos trazem alguma coisa nova e você aprende muita coisa interessante. Isso é uma coisa que realmente gosto de fazer e com isso adiciono muita coisa no meu jogo.

A campeã ressaltou que conhece bem o jogo de sua adversária, mas garante que a preparação para o combate foi da mesma forma que fez em suas disputas anteriores.

- Estou me preparando como faço para todas as outras adversárias, estou muito focada em mim mesma, no meu bem-estar, em uma boa preparação. E, na verdade, isso é o que importa para mim. Eu assisti as lutas dela, já sei tudo sobre ela, então não penso em muito mais coisas além disso.

Considerada uma das melhores lutadoras peso por peso do mundo, Valentina é sempre questionada sobre a possibilidade de enfrentar mais uma vez Amanda Nunes, que a venceu em duas ocasiões. Mesmo com a brasileira tendo se tornado mãe recentemente, Shevchenko ainda acredita que esta sonhada disputa possa acontecer.

- Ela pode cuidar da sua família. Elas tiveram um bebê, mas não foi ela que teve o bebê. Quem fez o trabalho duro foi a Nina (Nunes, esposa de Amanda). Em uma entrevista recente me perguntaram sobre o que eu pensava a respeito disso. E eu disse que é diferente quando algo como isso acontece e elas tem que parar, e demora um tempo pra voltar. E no caso da Amanda, ela continuou seus treinos. Ela nunca parou de treinar. Eu não sei no que ela está pensando, quais os planos dela para sua carreira, mas eu tenho certeza que todos os fãs querem ver essa luta.

Para o confronto contra Jéssica Bate-Estaca neste sábado, a campeã dos moscas garante uma boa luta, além de algumas surpresas e algo que, segundo ela, não será tão surpreendente.

- Vai ser uma boa luta e o que eu posso prometer é que eu vou mostrar tudo que eu tenho nessa luta. A técnica, o coração, a força, velocidade e, claro, muitos danos. Você não sabe as surpresas que podem vir de mim, mas são somente boas surpresas. Caos, surpresas e finalização. E a minha vitória. Mas isso não é uma surpresa.

UFC 261        
24 de abril de 2021, em Jacksonville (EUA)
CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):            
Peso-meio-médio: Kamaru Usman x Jorge Masvidal
Peso-palha: Weili Zhang x Rose Namajunas
Peso-mosca: Valentina Shevchenko x Jéssica Bate-Estaca
Peso-médio: Uriah Hall x Chris Weidman
Peso-meio-pesado: Anthony Smith x Jimmy Crute
CARD PRELIMINAR (19h, horário de Brasília):         
Peso-meio-médio: Alex Cowboy x Randy Brown
Peso-médio: Karl Roberson x Brendan Allen
Peso-meio-médio: Dwight Grant x Stefan Sekulic
Peso-galo: Danaa Batgerel x Kevin Natividad
Peso-mosca: Aori Qileng x Jeff Molina
Peso-leve: Rodrigo Vargas x Rong Zhu
Peso-palha: Ariane Sorriso x Na Liang
Peso-leve: Tristan Connelly x Pat Sabatini

Fonte: Combate.com


Comentários (0)

Comentar

Destaques

ver blog →

Miesha Tate aparece em oitavo no ranking do UFC após vitória contra Reneau

UFC distribui bônus para seis lutadores, e dois brasileiros faturam

Pedrita nega agressões e revela denúncia por calúnia e difamação contra ex-namorada

Cris Cyborg desafia DJ Ivis, que bateu na mulher, para uma luta